2 Reis 5 Estudo: Naamã é Curado de Lepra

Status, beleza, poder e fama não valem nada diante de Deus, e essa é uma das principais lições que aprenderemos neste capítulo de 2 Reis 5 estudo. Nesse contexto, em momentos nos quais, a solução é impossível, nada que é terreno tem a resposta.

É essencial também, observar através dessa escritura a importância de não guardar ressentimentos quando alguém nos prejudica, pois quando perdoamos e agimos com bondade e misericórdia Deus tem o seu nome exaltado.

Advertisement

Além disso, é importante destacar dois outros pontos, o orgulho e a em nossas obras, que nos afastam de Deus, e colocam um fardo mais pesado do que podemos suportar.

A importância deste capítulo de 2 Reis 5 Estudo

Cada passagem bíblica tem uma lição na qual podemos aprender e reparar alguns erros e pecados, que nos impedem de agradar o coração de Deus.

Advertisement

Logo, analisaremos e faremos a explicação de 2 reis 5, versículo por versículo, com o objetivo de aprender novos comportamentos da vida cristã.

(2 Reis 5:1) Um homem importante

 ¹ Ora, Naamã, capitão do exército do rei da Síria, era homem notável diante do seu senhor, e honorável, porque por seu intermédio o Senhor havia concedido libertação à Síria; ele também era um homem poderoso e valente, porém era leproso.


Você ler a Bíblia todos os dias mas Não consegue Entender a Mensagem de Deus? Clique Aqui e venha Estudar Teologia Conosco de Maneira Fácil e Descomplicada! 📖


Doença incurável: Esse versículo abre os nossos olhos pra enxergar que apesar de todo o poder e status, nada podemos fazer diante de situações como esta, na qual, a lepra, uma doença incurável para a época não poderia ser solucionada apesar de todo o prestigio de Naamã.

(2 Reis 5:2-3) A prisioneira de Naamã

² E os sírios haviam saído em companhias, e haviam tazido cativa, da terra de Israel, uma criada pequena; e ela servia a esposa de Naamã.

³ E ela disse à sua senhora: Tomara que o seu senhor estivesse com o profeta que está em Samaria! Porque ele o restauraria da sua lepra.

Advertisement

A solução de uma prisioneira: A atitude dessa menina poderia ser completamente diferente, tendo em vista que ela foi levada prisioneira para outro país para trabalhar como criada.

No entanto, ela apresentou uma solução para aqueles que poderiam ser considerados seus inimigos. Dessa forma, podemos perceber, que a israelita tinha a característica de alguém que estava cheia do Espirito Santo, e não deixou que a maldade de outras pessoas a afetasse.

Como consequência, essa menina deixou uma semente do evangelho plantada no coração daqueles que não conheciam o Deus verdadeiro. E é essa atitude que todo cristão deve apresentar.


Quer Pregar Com Conhecimento Bíblico Profundo, Dominando a Oratória, com boa Dicção, Citando Versículos de Memória, sem Timidez e com total Eloquência?
(Clique Aqui e Sabia Mais)


(2 Reis 5:4) O rei da Síria

  E um entrou, e contou ao seu senhor, dizendo: Assim e assim disse a criada que é da terra de Israel.

A situação de Naamã: O rei da Síria, provavelmente tinha grande estima pelo seu servo de guerra, esse era vitorioso e na época era o comandante militar mais poderoso que existia, e todas as nações o temiam. Logo, o interesse da cura de Naamã, não era apenas seu ou de sua família, mas do rei e toda a sua nação.

(2 Reis 5:5) Riqueza não compra

  E o rei da Síria disse: Vai lá! Vai e eu enviarei uma carta ao rei da Israel. E ele partiu, e levou consigo dez talentos de prata, e seis mil pedaços de ouro, e dez mudas de vestes.

Advertisement

O homem tentando compra a Deus: Estudos aproximam esse valor a 3 milhões de dólares, tendo esse senso feito em 2004. Todo esse dinheiro era para oferecer ao profeta para que esse tivesse a cura para a lepra de Naamã.

No entanto, tudo que Deus nos oferece é dado gratuitamente, e as riquezas desse mundo não podem comprar.

É fato, que atualmente muitos líderes religiosos deixam essa imagem de um Senhor que demonstra os seus milagres apenas por dinheiro.


⚠️ E-book Grátis para Pregadores ⚠️:


Assim, é necessário ter muito cuidado com essas doutrinas falsas que passam uma imagem errônea de Deus.

(2 Reis 5:6-7) O temor do rei de Israel

 E ele trouxe a carta até ao rei de Israel, dizendo: Agora, quando esta carta chegar a ti, eis que, com ela enviei-te Naamã, o meu servo, para que possas recuperá-lo da sua lepra.

Advertisement

E sucedeu, quando o rei de Israel leu a carta, que ele rasgou as suas vestes, e disse: Sou eu Deus, para matar e fazer viver, para que este homem, verdadeiramente, enviei-me um homem para ser recuperado da sua lepra? Porquanto considerai, insisto convosco, e vede como ele busca contenda contra mim.

A missão era para o profeta: O rei de Israel sabia que ele não tinha poderes para curar a lepra de Naamã, e por isso se encheu de medo, pois acreditou que essa era uma estratégia para iniciar um confronto, e o exército Sírio era poderoso.

Em paralelo com o cenário da igreja atual, grande parcela dos lideres religiosos perderam a fé de que Deus é a solução para as nações e acabam depositando esperança apenas em políticos. Porém, é fato que em todas as épocas o único que pode mudar o cenário é o Senhor dos Exércitos.

(2 Reis 5:8) Deus é a solução

E assim sucedeu, quando Eliseu, o homem de Deus, ouviu que o rei de Israel havia rasgado as suas vestes, que ele enviou ao rei, dizendo: Por que rasgaste as tuas vestes? Deixa que venha até mim e ele saberá que existe um profeta em Israel.

Advertisement

A pergunta de Eliseu: O profeta não enxerga motivos para se desesperar, diferentemente do rei, pois os dois tem visões diferentes.

Enquanto Eliseu já sabe que Deus tem a solução, o rei olha para a sua pequenez diante de um exército poderoso que pode aniquilar a sua nação.

(2 Reis 5:9-10) Recepção para Naamã

Assim, Naamã veio com os seus cavalos e com a sua carruagem, e parou à porta da casa de Eliseu.
¹⁰ E Eliseu enviou um mensageiro a ele, dizendo: Vai e te lava no Jordão sete vezes, e a tua carne virá novamente a ti, e tu serás limpo.


Domine a Arte de Elaborar e Pregar Sermões Expositivos, Temáticos e Textuais, para Ensinar com Profundidade, Clareza e Fidelidade as Escrituras!
(Clique Aqui e Confira)


A recepção do profeta: É costume oferecermos a melhor recepção possível para pessoas importantes, e é essa a expectativa das pessoas.

Assim como na explicação de 2 Reis 4, a sunamita ao receber um profeta importante construiu um quarto em sua casa para ele se hospedar.

Todavia, Eliseu não tem essa postura para receber Naamã com honras, e nos próximos versículos essa atitude vai ser esclarecida.

Advertisement

(2 Reis 5:11) Quebra de expectativa

¹¹ Porém, Naamã ficou irado, e foi-se embora, e disse: Eis que pensei: Ele, certamente, sairá até mim, e se porá de pé, e chamará o nome do Senhor seu Deus, e baterá com a sua mão sobre o local, e recuperará a lepra.

 O orgulho de Naamã: Certamente, Naamã era recebido por outras pessoas com muita honra, e era isso que ele esperava.

Porém a recepção que ele teve não foi como as suas expectativas, pois Eliseu nem mesmo saiu para vê-lo e dessa forma ele demonstrou o orgulho que havia dentro de seu coração.


A Chave para Interpretar todos os Gêneros e Contextos da Bíblia de modo Simples, porém com muita Profundidade…
(Clique Aqui e Acesse)


Muitos de nós temos uma postura idêntica como o general do exército sírio, no qual quando não teve a sua expectativa alcançada demonstrou o mal que havia em seu coração.

Desse modo, é necessária uma mudança de postura, e para isso devemos ler a bíblia, e não de qualquer maneira, mas é importante saber como ler a bíblia.

Advertisement

(2 Reis 5:12) O olhar natural de Naamã

¹² Não são o Abana e o Farpar, os rios de Damasco, melhores do que todas as águas de Israel? Não posso eu me lavar neles e ficar limpo? Assim, ele se volveu e partiu em fúria.

A cura viria de Israel: Abana e Farpar eram considerados os rios mais belos e claros do mundo naquela época, enquanto o rio Jordão era escuro. É possível perceber que o general olhou apenas para aspectos físicos.

Todavia, para quebrar o seu orgulho, a sua cura não iria vir de um lugar que era considerado belo, mas do rio Jordão. Desse modo é possível perceber que Naamã ainda não tinha uma visão sobrenatural do seu milagre, que não era somente físico, mas espiritual.

(2 Reis 5:13) A simplicidade do milagre

¹³ E os seus servos se aproximaram, e falaram a ele, disseram: Meu pai, se o profeta tivesse te pedido para fazer uma coisa grande, não a terias feito tu? Quanto mais, agora que ele te disse: Lava-te e ficas limpo?

Advertisement

Naamã é interrogado: É muito comum querermos comprar a Deus com grandes atos, por pensarmos erroneamente que as nossas atitudes podem de alguma forma conquista-lo. Contudo, apenas a misericórdia do Senhor nos concede salvação.

Nesse sentido, o general acreditava que apenas um grande ato poderia retirar a lepra do seu corpo, porém o que Deus tinha ordenado por meio do seu profeta era algo muito simples. E por isso Naamã é interrogado, e a sua atitude é colocada é evidência.

(2 Reis 5:14) Naamã é curado

¹⁴ Então, ele desceu e mergulhou sete vezes no Jordão, segundo o dizer do homem de Deus; e a sua carne retornou como a carne de uma pequena criança, e ele foi limpo.

Segundo a instrução: Só após certa resistência, Naamã obedeceu a ordem que o profeta Eliseu tinha dado, e como resultado ele não só foi curado de sua lepra, como também de seu orgulho. Nesse contexto, o número 7 simboliza uma obra completa, e é isso que podemos perceber.

Advertisement

(2 Reis 5:15-16) Eliseu não recebe os presentes

¹⁵ E ele retornou ao homem de Deus, ele e toda a sua companhia, e veio, e pôs-se diante dele; e disse: Eis que agora sei que não há Deus em toda a terra, senão em Israel; agora, portanto, suplico-te, recebe uma benção do teu servo.

¹⁶ Porém, ele disse: Como vive o Senhor, diante de quem me ponho de pé: Não quero receber nada. E ele insistiu para que ele a recebesse; mas ele se recusou.

Deus é reconhecido: Naamã reconhece o poder de Deus, em virtude da lepra não ser uma doença que tinha cura naquele tempo, e apenas uma obra milagrosa poderia cura-lo. Logo em seguida, esse mesmo personagem oferece presentes que não são aceitos pelo profeta.

Em outras ocasiões, Eliseu recebe alguns presentes por outras pessoas, porém não ocorre o mesmo nessa passagem. O objetivo desse acontecimento era mostrar para Naamã a graça divina de Deus, que não pode ser compensada com coisas materiais.

(2 Reis 5:17-19) A conversão do general

 ¹⁷ E Naamã disse: Não se dará nada então. Eu suplico-te, seja dada ao teu servo a carga de terra de duas mulas? Porque o teu servo, doravante, não oferecerá nem oferta queimada, nem sacrifício a outros deuses, senão o Senhor.

Advertisement

¹⁸ Nisto perdoe o Senhor a teu servo, quando vier meu senhor à casa de Rimom, para ali adorar, e ele se apoiar em minha mão e eu me curvar na casa Rimom; quando eu me curvar na casa de Rimom, nesta coisa, perdoe Senhor o teu servo.

¹⁹ E ele lhe disse: Vai em paz. Assim, ele partiu da sua presença a uma curta distância.

Gratidão direta à Deus: Naamã, após a sua cura foi ao tal ponto convertido, que sentiu necessidade de oferecer sacrifícios ao Deus verdadeiro e não mais deuses pagãos, como era de costume na Síria. Além disso, esse personagem sentia que Israel era o local certo para fazer isso.

(2 Reis 5:20-21) O pecado do servo Geazi

²⁰ Porém, Geazi, o servo de Eliseu, o homem de Deus, disse: Eis que o meu senhor dispensou Naamã, esse Sírio, ao não receber em suas mãos aquilo que ele trouxe; porém, como vive o Senhor, correrei atrás dele, e pegarei algo dele.

²¹ Assim, Geazi seguiu atrás de Naamã. E, quando Naamã o viu correndo atrás de si, ele desceu da carruagem para encontrá-lo, e disse: Está tudo bem?

Visão espiritual: Essa atitude de Geazi precisa ser entendida de forma simbólica, como uma maneira de anulação da bondade, Geazi pensa em receber por aquilo que foi dado de graça, no caso, a cura de Naamã.

A religiosidade pode fazer a mesma coisa que o servo de Eliseu estava fazendo, anulando a Graça de Deus.

(2 Reis 5:22-24) Um comportamento moderno

²² E ele disse: Tudo está bem. O meu senhor me enviou, dizendo: Eis que, agora mesmo, vieram a mim, do monte Efraim, dois moços dos filhos dos profetas: Dá-lhes, rogo-te, um talento de prata, e duas mudas de vestes.

²³ E Naamã disse: Sê contente, toma dois talentos. E insistiu com ele, e amarrou dois talentos de prata em dois sacos, com duas mudas de vestes, e as deitou sobre os seus dois servos; e eles as carregaram adiante dele.

²⁴ E quando ele chegou à torre, tomou-os das mãos deles, e as doou à casa; e ele deixou os homens irem, e eles partiram.

Incoerência com o evangelho: É comum muitos lideres religiosos terem o mesmo comportamento que Geazi teve, e mentirem para conseguirem benefícios para si próprios.

Tal comportamento é totalmente reprovável diante dos olhos de Deus, e incoerente com as sagradas escrituras. Tendo em vista que tudo que Deus ofereceu foi de graça, por meio da sua bondade e misericórdia para com os seus filhos.

Após esse acontecimento, percebemos a partir de 2 Reis 6, que Geazi não faz mais companhia para o profeta Eliseu, já que a luz não se mistura com as trevas.

(2 Reis 5:25-27) A consequência para Geazi

²⁵ Porém, quando ele entrou, e pôs-se diante do seu mestre; e disse-lhe Eliseu: De onde vens tu, Geazi? E ele disse: O teu servo não foi a lugar nenhum.

²⁶ E ele lhe disse: Não foi contigo o meu coração quando o homem retornou da sua carruagem para te encontrar? É hora de se receber dinheiro, e receber vestes, e olivais, e vinhas, e ovelhas, e bois, e servos e criadas?

²⁷ Portanto, a lepra de Naamã se pegará a ti, e à tua semente para sempre. E ele saiu da sua presença um leproso, tão branco como a neve.

Erro grave: Após Geazi ter mentido para Naamã, esse pecou mentido novamente para Eliseu, sem ter demonstrado arrependimento. E infelizmente esse é o preço que os delitos geram para quem comete e não se arrepende.

Conclusão

Além de estudar essa passagem, é necessário que seja feita uma análise completa das nossas atitudes e comportamentos. Por isso 2 Reis 5 é importante, para que não possamos cair em orgulho, ou até mesmo mentiras. Mas no entanto, termos atitudes que demonstrem conversão e arrependimento.

2 Reis 5 estudo.

Sobre o Autor

Olá, me chamo Lázaro Correia, sou Cristão, formado em Teologia e apaixonado pela Bíblia. Aqui no Blog você vai encontrar diversos estudos Bíblicos e muito conteúdo sobre vida Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *