Salmo 46 Estudo: Aquietai-vos e Sabei que Eu Sou Deus

Este capítulo de Salmo 46 estudo traz uma importante reflexão sobre a comum ansiedade que toma conta dos corações de muitos cristãos nos momentos de adversidade.

Deus tem o controle de tudo em suas mãos, tanto sobre o mundo quanto a respeito da nossa história. No entanto, confiar plenamente na ação divina parece não ser uma tarefa simples para a maioria das pessoas.

Advertisement

A incoerência dos acontecimentos, a falta de clareza sobre o que vai acontecer no futuro e o sofrimento presente, são coisas que fazem a dúvida ocupar o lugar destinado à no coração delas.

Ao passo que, essas pessoas ficam presas em um ciclo de dificuldade contínua ou sucumbem diante da situação ao ponto de desistirem.

Advertisement

Ainda assim, uma coisa é certa: confiar no Senhor, depositando toda sua esperança nele, é o melhor caminho para não só vencer a dificuldade, mas rumar para uma vida extraordinária. Acompanhe!

Salmo 46 Estudo: Contexto histórico

A escrita do Salmo 46 foi feita pelos coraítas, no entanto, não se sabe ao certo em qual período.


Você ler a Bíblia todos os dias mas Não consegue Entender a Mensagem de Deus? Clique Aqui e venha Estudar Teologia Conosco de Maneira Fácil e Descomplicada! 📖


Segundo teólogos e pregadores do evangelho, provavelmente, foi quando Davi derrotou os inimigos do antigo Israel das terras vizinhas, depois de uma batalha vitoriosa contra os filisteus precisamente.

Além disso, este Salmo pode ter um viés escatológico, em relação à destruição da Terra e o triunfo de Deus depois do fim da atual ordem mundial.

(Salmo 46:1) Deus é o nosso refúgio

v. 1 Deus é o nosso refúgio e força, um socorro bem presente na tribulação.

Advertisement

O Salmo começa com um verso de adoração ao Senhor Deus, por conta do seu cuidado em tempos difíceis.

A partir da confiança em Deus pode-se encontrar forças e refúgio nesses momentos para que possamos lidar com eles de forma assertiva.

(Salmo 46:2-3) Confie em Deus e não temas

v. 2 Portanto, não temeremos, ainda que a terra seja removida, e ainda que os montes sejam transportados para o meio do mar.


Quer Pregar Com Conhecimento Bíblico Profundo, Dominando a Oratória, com boa Dicção, Citando Versículos de Memória, sem Timidez e com total Eloquência?
(Clique Aqui e Sabia Mais)


v. 3 Ainda que suas águas rujam e se perturbem, ainda que os montes se sacudam com o seu inchar. Selá.

A terra tremendo e os montes se abalando representam uma moção desestabilizadora de partes da natureza que supostamente deveriam se estáveis (ver nota em Sl 18:7-15).

Na criação, Deus impôs limites às águas, porém aqui elas ameaçam se tornar caóticas mais uma vez (ver notas em Sl 29:3-4 e Sl 29:10-11.

Advertisement

(Salmo 46:4) Presença de Deus

v. 4 Há um rio, seus córregos alegrarão a cidade de Deus, o lugar santo dos tabernáculos do Altíssimo.

É difícil identificar este rio com precisão. Não parece ser um rio real de Jerusalém, a menos que se refira a algo como o túnel de Ezequias.

Em vez disso, parece mais provável que este rio seja uma referência à presença de Deus e a Suas bênçãos, que enchem Jerusalém e fluem para outras nações (Zc 14:8).


⚠️ E-Book Grátis para Pregadores ⚠️:


(Salmo 46:5) A força de Jerusalém

v. 5 Deus está no meio dela; ela não será abalada. Deus a ajudará, e isso bem cedo.

A força de Jerusalém não estava em seus muros fortificados, e sim em Yahuah, que era sua “torre segura” (v. 7,11), (Jl 3:17), (Sf 3:15).

Advertisement

(Salmo 46:6) Os pagãos

v. 6 Os pagãos enraiveceram-se, os reinos foram movidos; ele proferiu sua voz, a terra derreteu.

Os pagãos enraiveceram-se lembra a rebelião das nações contra Yahuah e Seu ungido (Sl 2:1). No entanto, seu paralelo, reinos foram movidos, indica que esta expressão provavelmente se refere à experiência comum de guerras entre nações e de reinos surgindo e decaindo.

Contudo, a ordem final no v. 10 pode indicar que estas guerras continuavam sendo uma afronta a Deus. É bem provável que a terra derreteu simbolize temos diante da voz de Deus (Êx 15:15), (Is 14:31).

(Salmo 46:7) Senhor dos exércitos

v. 7 O Senhor dos exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio. Selá.

Advertisement

Sobre Senhor dos Exércitos, ver nota em Salmo 24:7-10.

(Salmo 46:8-10) Deus está no controle absoluto

v. 8 Vinde, contemplai as obras do Criador, que desolações ele causou na terra.

v. 9 Ele faz cessar as guerras até o fim da terra; ele quebra o arco e corta a lança pela metade. Ele queima a carruagem no fogo.


Domine a Arte de Elaborar e Pregar Sermões Expositivos, Temáticos e Textuais, para Ensinar com Profundidade, Clareza e Fidelidade as Escrituras!
(Clique Aqui e Confira)


v. 10 Aquietai-vos e sabei que eu sou Deus; serei exaltado entre os pagãos, serei exaltado na terra.

Yahuah está no controle absoluto de toda guerra e de toda paz entre as nações.

A ordem final, cessar as guerras, provavelmente é dirigida às nações, mandando-as parar com suas hostilidades, as quais, no final das contas, eram dirigidas contra Deus (Sl 2:10).

Advertisement

(Salmo 46:11) O Senhor dos Exércitos é conosco

v.11 O SENHOR dos Exércitos é conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio. Selá

Uma coisa era certa para os coraítas: Deus estava com eles.

Por isso, diante de qualquer situação adversa eles o tinham como refúgio, uma fortaleza intransponível e ao mesmo tempo capacitadora, para vencer os obstáculos impostos pela jornada.


A Chave para Interpretar todos os Gêneros e Contextos da Bíblia de modo Simples, porém com muita Profundidade…
(Clique Aqui e Acesse)


Conclusão

Por fim, o Salmo 46 estudo instiga o abandono de toda ansiedade presente no nosso coração por causa das dificuldades.

Certa vez, Max Lucado, pastor e escritor evangélico, disse: concentre-se nos gigantes e você tropeçará. Concentre-se em Deus e os seus gigantes tropeçarão.

Advertisement

Desse modo, assim como os coraítas, devemos trazer à nossa mente a grandeza do Senhor e o controle total Dele sob qualquer circunstância.

Além da sua capacidade de realizar o impossível na vida de quem crê em suas palavras.

Todos os grandes feitos de Deus realizados anteriormente servem como alimento para sua esperança, para que você se refugie no Senhor e encontre forças para aguentar firme o período da dificuldade.

Sendo assim, ore, leia as escrituras sagradas e contemple toda a obra divina. À medida que você dá ênfase ao poder de Deus sobre sua vida, mais estará certo que o socorro Dele virá.

Advertisement
Salmo 46 estudo.

Sobre o Autor

Olá, me chamo Lázaro Correia, sou Cristão, formado em Teologia e apaixonado pela Bíblia. Aqui no Blog você vai encontrar diversos estudos Bíblicos e muito conteúdo sobre vida Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *