Gênesis 16 Estudo: Sara e Agar

Neste capítulo Gênesis 16 estudo, aprenderemos sobre o nascimento de Ismael, revelando os detalhes da ocasião em que Sara ofereceu a Abraão sua serva egípcia, Agar, para que ela pudesse lhe dar um filho. Este capítulo é muito importante na compreensão da sequência de eventos que se seguem após ele.

Além disso, é um dos textos base utilizados pelo apóstolo Paulo no Novo Testamento em sua Carta aos Gálatas para explicar que os crentes não estão mais sobre a servidão do pecado e debaixo da maldição da Lei, ele enxergou uma importante alegoria no drama familiar de Abraão que começa a ser narrado aqui, ou seja, os eventos registrados tiveram também um significado mais profundo e podem ser organizados da seguinte forma: Sara oferece Agar a Abraão para que ele pudesse gerar filhos; a intriga entre Agar e Sara; o Anjo do Senhor fala com Agar no deserto; o nascimento de Ismael.

Advertisement

Gênesis 16 estudo: Contexto histórico

Acompanhamos a promessa de Deus feita a Abrão, o pai de uma grande descendência, uma aliança acerca da possessão da terra prometida. Encontramos a mais antiga base bíblica acerca da doutrina da fé que justifica.

O povo de Israel, através dessa parte da história, pode aprender sobre a garantia de Deus no que diz respeito à posse da terra prometida que lhes foi preparada. E que Deus já havia avisado a Abraão sobre a escravidão no Egito séculos antes.

Advertisement

1 E SARAI, mulher de Abrão, não lhe dava filhos,ele tinha uma serva egípcia,que se chamava Agar (o Capítulo anterior expõe a fidelidade de Deus; este Capítulo, a fidelidade de Abraão).

2 Disse, pois, Sarai a Abrão (no sentido de que não era o Senhor que falava com Abraão): Eis que o SENHOR me tem feito estéril (mostra a impaciência devido à incredulidade; a “carne” rapidamente se cansa de esperar pela promessa Divina);


Você ler a Bíblia todos os dias mas Não consegue Entender a Mensagem de Deus? Clique Aqui e venha Estudar Teologia Conosco de Maneira Fácil e Descomplicada! 📖


rogo-te que tomes a minha serva (o caminho da Fé está cheio de dignidade; o caminho da incredulidade, cheio de degradação); possivelmente terei filhos dela (cansado de esperar, Sara já não coloca suas esperanças em Deus, e sim na escrava Egípcia). E atendeu Abrão ao dito de Sarai (o que significa que o Patriarca não prestou atenção à Voz do Senhor).

3 E Sarai, mulher de Abrão, tomou a Agar, sua serva Egípcia (“a Epístola aos Gálatas declara que Sara e Agar representam dois princípios: o da Lei e o da Graça; Agar representa a salvação por obras; Sara a Salvação pela Fé; esses princípios se opõem entre si.

Ismael nasce como resultado do planejamento e da capacidade do homem; Isaque nasce como resultado do planejamento e poder de Deus; no nascimento de Ismael, Deus não se envolveu; já na concepção de Isaque, sim, porque o homem estava “morto”.

Advertisement

Assim é hoje em dia: a salvação pelas obras depende totalmente da capacidade do homem para obtê-la; já a Salvação pela Fé depende da capacidade de Deus para concede-la. Sob uma aliança baseada em obras, Deus se detém, com o fim de ver o que pode fazer o homem;sob a Aliança com base na Graça, o homem se detém para ver o que pode fazer Deus.

As duas alianças se opõem uma a outra; tem que ser ou Agar, ou Sara; se for Agar, Deus não tem nada a ver com isso; se for Sara, o homem não tem nada a ver com isso.”- Williams),

depois de dez anos que tinha habitado Abrão na terra de Canaã, e a deu por mulher a Abrão, seu marido. (Como já foi dito, dez é o número da plenitude, É possível que, neste momento, Deus já tivesse planejado gerar Isaque? Ou, melhor ainda, quantos de nossos fracassos bloqueiam a fé em relação ao que Deus deseja fazer em nossa vida? Ou, pior ainda, quanto demoramos com o aquilo que Ele deseja fazer?).


Quer Pregar Com Conhecimento Bíblico Profundo, Dominando a Oratória, com boa Dicção, Citando Versículos de Memória, sem Timidez e com total Eloquência?
(Clique Aqui e Sabia Mais)


4 E ele (Abraão) coabitou com Agar, a qual concebeu; e, quando viu que tinha concebido, olhava com desprezo à sua senhora (Agar começou a agir cruelmente para com Sara, na realidade com desprezo!).

5 Então Sarai disse a Abrão: A minha afronta seja sobre ti (Abraão e Sara acreditavam que, por seu plano engenhoso, poderiam apressar e levar a cabo a Promessa Divina; o resultado foi terrível. Teve algum êxito o seu plano; nasceu Ismael. Mas melhor seria para Abraão e para o mundo se o menino nunca tivesse nascido! É desastroso quando têm algum êxito os planos obstinados do próprio Cristão);

eu pus a minha serva em teu seio, e vendo ela agora que concebeu, me olha com desprezo; julgue o SENHOR entre mim e ti. (Sara agora se dá conta do seu engano, mas é muito tarde! As obras da carne,e aquilo foi sem dúvida uma obra da carne, sempre traz a dissensão.)

Advertisement

6 E respondeu Abrão a Sarai: Eis aí a tua serva em tua mão; faz com ela o que bem te parecer. E, como Sarai a afligia, Agar fugiu de sua presença (As Escrituras não nos dizem o que fez Sara).

O ANJO

7 E a achou o Anjo do SENHOR junto em um bebedouro no deserto, junto à fonte que está no caminho de Sur (tudo indica que esse “Anjo do Senhor” não é outro, senão uma aparição pré-encarnada do Senhor Jesus Cristo).

8 E lhe disse: Agar, serva de Sarai, de onde vens tu para onde vais? E ela respondeu: Fujo de diante de Sarai, minha senhora.


⚠️ E-book Grátis para Pregadores ⚠️:


9 Então lhe disse o Anjo do SENHOR: Torna-te para tua senhora, e te ponha totalmente debaixo de suas mãos (se Agar não tivesse obedecido, sem dúvida, teria morrido no deserto).

10 Disse-lhe também o Anjo do SENHOR: Multiplicarei tanto a tua linhagem que não será contada por tão numerosa que será. (Entretanto, o Senhor não disse nada sobre a Fé, por que não havia fé no Coração de Agar, e tampouco haveria no coração de seu filho, Ismael.)

Advertisement

11 Disse-lhe ainda o Anjo do SENHOR: Eis que conceberás, e darás à luz um filho, e chamarás o seu nome Ismael, porque o SENHOR ouviu a tua aflição. (A culpa de sua situação não era de Agar, mas sim de Abraão e Sara; entretanto, ela perdeu em última instância o que o Senhor poderia ter feito para ela, por ter se oposto ao Seu Plano, que foi Isaque. “Ismael” quer dizer “Deus escuta”; entretanto, isso não tem nada a ver com Ismael,ésima situação difícil de Agar.)

12 E ele será homem feroz; e a sua mão será contra todos, e as mãos de todos contra ele; e diante de todos seus irmãos habitará. (Essas predições descrevem perfeitamente o povo Árabe. Os árabes não podem conviver bem com ninguém no mundo; sequer podem conviver bem entre si.

Os descendentes de Ismael moram diante de todos os seus irmãos [os Israelitas], mas não podem submetê-los, e de fato, nunca poderão submete-los!)

13 Então chamou o nome do SENHOR que com ela falava (Agar reconheceu que o Anjo era, de fato, o Senhor; realmente era o Deus de Abraão): Tu és o Deus que me vê; porque disse: Não olhei também aquele que me vê? (Agar deu o nome ao Senhor de “Rói”, que significa “Tu és um Deus que permites que O vejam”. Como é óbvio, ela realmente tinha tido uma Revelação maravilhosa, mas, por desgraça, infelizmente a obstinação dela sobrecarregava a sua Fé.

Advertisement

Agar queria que seu filho, Ismael, fosse o herdeiro da Promessa, mas ele não foi destinado para isso. Inclusive,ela iria até tal ponto, como veremos, de tentar matar a Isaque. O mesmo acontece com todos os que rejeitam a Cruz para seguir as pisadas dela.)

14 Pelo qual chamou aquele poço, Beer-Laai-Rói; eis que está entre Cades e Breve. (“Laai-Rói” significa “Poço do Deus que vive e me vê”).

15 E Agar deu à luz um filho a Abrão; e chamou Abrão o nome de seu filho que lhe dera Agar Ismael. (Agar, sem duvida, relatou a Abraão todo o acontecido e colocou-se sob a autoridade de Sara; Abraão, então, foi cuidadoso chamando o menino como disse o Senhor – “Ismael”.)


Domine a Arte de Elaborar e Pregar Sermões Expositivos para Ensinar com Profundidade, Clareza e Fidelidade as Escrituras!
(Clique Aqui e Confira)


NASCE ISMAEL

16 E era Abrão da idade de oitenta e seis anos, quando Agar deu à luz Ismael. (Abraão ainda teria que esperar 14 anos até que se cumprisse a Promessa. Como você, tenho me perguntado se este lapso de não prolongou o período de espera para que se cumprisse a Promessa!)

Conclusão

Concluindo, aprendemos como não devemos pôr nossa mão naquilo que Deus se dispôs a realizar por nós. Deus já havia prometido a Abraão um filho, e Abraão já havia crido no que Deus lhe mostrara.

Mas Sara não estava presente, ela não teve a experiência visual que seu esposo havia tido e em seu coração, pela idade avançada de ambos, imperou a incredulidade, mesmo ouvindo essa promessa da boca de um Anjo.

Advertisement

Sara então resolve “ajudar” a Deus, como se isso fosse possível, e oferece sua escrava para realizar a promessa na vida de seu esposo.

Haverá tempos que devemos permanecer fiéis ao que Deus nos prometeu, e de maneira alguma, tentar ajuda-lo. Deus realiza o que quiser, nos usando ou não, Ele só nos pede para confiarmos em seu processo.

A falta de fé e a desobediência a Deus gerarão impaciência, assim como aconteceu com Sara, vendo Agar com o filho da sua promessa. Mas Deus, em meio ao caos ou ao que parece errado, consegue gerar algo bom.


⚠️ Receba Estudos Exclusivos no Whatsapp:


A história passará, milênios, e esse ato de Sara culminará na formação de uma nova religião, o Islamismo. Deus não brincou quando disse a Abrão: sua descendência será como a areia do mar e as estrelas no céu.

Islamismo, Judaísmo e Cristianismo, sementes de Abraão. Mas sabemos, sempre a um preço a pagar por uma decisão fora da vontade do Senhor.

Advertisement
Gênesis 16 estudo.

Sobre o Autor

Olá, me chamo Lázaro Correia, sou Cristão, formado em Teologia e apaixonado pela Bíblia. Aqui no Blog você vai encontrar diversos estudos Bíblicos e muito conteúdo sobre vida Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *