Salmo 45 Estudo: A União Entre Cristo e a Igreja

Neste capítulo de Salmo 45 estudo veremos que esse capítulo é uma descrição da figura profética do Messias, isso toma ainda mais força, quando encontramos partes deste salmo em Hebreus 1 que diz: “O teu trono, ó Deus, subsiste para todo o sempre; cetro de justiça é o cetro do teu reino.

Amas a justiça e odeias a iniquidade; por isso Deus, o teu Deus, escolheu-te dentre os teus companheiros ungindo-te com óleo de alegria”.

Advertisement

O trono do Senhor estará de pé para todo sempre, assim como sua justiça, desse modo, o Senhor é, portanto, o rei eterno, cheio de majestade, glória e justiça.

Salmo 45 Estudo: Contexto histórico

Nesse contexto, o salmo 45 é um salmo real, uma canção de casamento real, que celebra o casamento humano de uma forma tão grandiosa que os autores do NT o aplicaram a Jesus, o grande Rei.

Advertisement

Como diversos outros salmos, portanto, este não só retrata a alegria do casamento humano, como também descreve profeticamente o reino glorioso de Jesus. Este salmo foi composto pelos filhos de Corá.

(Salmo 45:1-2) A beleza e a graça derramada pelo Senhor

v. 1 Meu coração está compondo sobre um bom assunto. Eu falo das coisas que tenho feito no tocante ao rei; minha língua é a pena de um escritor preparado.


Você ler a Bíblia todos os dias mas Não consegue Entender a Mensagem de Deus? Clique Aqui e venha Estudar Teologia Conosco de Maneira Fácil e Descomplicada! 📖


v. 2 Tu és mais belo do que os filhos dos homens, a graça é derramada para dentro de teus lábios; portanto, Deus te abençoou para sempre.

No antigo Oriente Próximo era comum compor canções em homenagem a reis, a fim de perpetuar sua memória para as próximas gerações.

Designações hiperbólicas como tu és mais belo e a graça é derramada para dentro de teus lábios costumam fazer parte destas canções.

Advertisement

(Salmo 45:3-4) Guarda a tua espada

v. 3 Guarda a tua espada sobre tua coxa, ó mais poderoso, com a tua glória e a tua majestade.

v. 4 E na tua majestade cavalga prosperamente por causa da verdade, mansidão e justiça; e a tua mão direita te ensinará coisas terríveis.

Embora verdade e justiça sejam feições comuns admiradas pelos reis e pelo povo do mundo antigo, mansidão era algo mais específico de Israel.


Quer Pregar Com Conhecimento Bíblico Profundo, Dominando a Oratória, com boa Dicção, Citando Versículos de Memória, sem Timidez e com total Eloquência?
(Clique Aqui e Sabia Mais)


Os reis do mundo antigo dificilmente eram humildes, pois viam a humildade como um sinal de fraqueza.

Para um servo de Yahweh, porém, esta característica indicava um relacionamento íntimo com Ele (Pv 15:33).

(Salmo 45:5-6) O trono de Deus é para sempre

v. 5 Tuas flechas são afiadas no coração dos inimigos do rei; por meio das quais os povos caem debaixo de ti.

Advertisement

v. 6 Teu trono, ó Deus, é para sempre e sempre; o cetro do teu reino é um cetro justo.

O cetro simbolizava domínio real. Seu tamanho e forma variavam conforme a época e a cultura, mas geralmente estava associada a poder militar.

Em alguns casos, o cetro era realmente uma arma. O trono de Deus está ligado a este rei porque o rei de Israel deveria ser corregente de Deus em Seu reino (2Sm 7:14).


⚠️ E-book Grátis para Pregadores ⚠️:


(Salmo 45:7) O amor de Deus pela justiça

v. 7 Tu amas a justiça e odeias a perversidade; portanto Deus, teu Deus, te ungiu com o óleo da alegria sobre teus companheiros.

Era comum o rei de Israel ser chamado de “ungido de Deus” (Sl 20:6). O óleo era símbolo de alegria e da bênção de Deus (Sl 36:8).

Advertisement

(Salmo 45:8) Os palácios de Marfim

v. 8 Todas as tuas vestimentas cheiram a mirra, aloés e cássia, desde os palácios de marfim, pelos quais te fizeram feliz.

A expressão palácios de marfim não se refere a palácios feitos totalmente de marfim, e sim a palácios com seu interior e talvez seus móveis recobertos de marfim (Am 3:15).

(Salmo 45:9) O ouro de Ofir

v. 9 As filhas dos reis estiveram entre tuas honoráveis mulheres; sobre a tua mão direita esteve a rainha em ouro de Ofir.

O ouro de Ofir equivale ao ouro mais refinado (Jó 28:16). A localização exata de Ofir é desconhecida.

Advertisement

(Salmo 45:10-11) Ouve, ó filha

v. 10 Ouve, ó filha, considera e inclina teu ouvido; esquece também teu próprio povo e a casa do teu pai.
v. 11 Então o rei desejará grandemente a tua beleza; porque ele é teu Senhor, e tu, adora-o.

“Esquecer” e “adorar” representam uma mudança de lealdade. A noiva deixou seu povo e sua nação e passa a ser fiel ao rei com quem estava se casando.

(Salmo 45:12) A súplica pelo teus favores

v. 12 E a filha de Tiro estará lá com um presente; até os ricos dentre o povo suplicarão o teu favor.


Domine a Arte de Elaborar e Pregar Sermões Expositivos, Temáticos e Textuais, para Ensinar com Profundidade, Clareza e Fidelidade as Escrituras!
(Clique Aqui e Confira)


Tiro, grande centro comercial do mar Mediterrâneo, era conhecida por sua extravagância e riqueza.

(Salmo 45:13-14) As vestes da filha do rei

v. 13 A filha do rei é toda gloriosa por dentro; sua roupa é de ouro forjado.
v. 14 Ela será trazida ao rei em vestes bordadas; as virgens, suas companhias que a seguem, serão trazidas a ti.

As virgens era basicamente um grupo de moças que acompanhava a noiva (Et 2:9).

Advertisement

(Salmo 45:15-17) O palácio do rei

v. 15 Com alegria e regozijo elas serão trazidas; elas entrarão no palácio do rei.
v. 16 Ao invés dos teus pais, estarão teus filhos, dos quais tu podes fazer príncipes em toda a terra.

v. 17  Eu farei teu nome ser lembrado em todas as gerações; portanto, os povos te louvarão para sempre e sempre.

O último desejo é que a dinastia deste rei seja permanente, exaltando sua lembrança (sua reputação e sua fama) além da de seus pais.


⚠️ Receba Estudos Exclusivos no Whatsapp:


Conclusão

Concluímos, portanto, que por causa da justiça do rei, ele prosperou e à medida que as nações caíssem diante dele, suas vitórias seriam magníficas.

Como representante de Deus, este rei teria um trono eterno e um reinado justo e desse modo, assim como o Senhor ele amava a justiça e o recebeu abundância e alegria do nosso Deus.

Advertisement

Assim também devemos agir, com justiça e o Senhor nos abençoará com a parte que nos cabe. Porém, é importante que façamos isso não para receber algo e sim para que o Senhor seja glorificado.

Salmo 45 estudo.

Sobre o Autor

Olá, me chamo Lázaro Correia, sou Cristão, formado em Teologia e apaixonado pela Bíblia. Aqui no Blog você vai encontrar diversos estudos Bíblicos e muito conteúdo sobre vida Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *