2 Coríntios 2 Estudo: A Alegria no Senhor

Neste capítulo de 2 Coríntios 2 estudo, Paulo declarará o seu amor pelos Coríntios e revelará que a sua intenção não é entristecê-los, mas ao contrário, ele os queria ver felizes, assim como ele.

Ele orientará sobre como lidar com aquele que caiu em pecado, os aconselhando a não renunciar ao perdão e a consolação, esclarecendo que a decisão da igreja seria aprovada por ele.

Advertisement

E encerrará dizendo que Deus lhe abriu porta importante, mas que ficou aflito por não encontrar Tito ali e recorda da fidelidade de Deus que o conduz vitoriosamente em Jesus.

2 Coríntios 2 estudo: Contexto histórico

Paulo, apresenta o Deus de toda a consolação e misericórdia, encorajando a fé dos Coríntios, dizendo a eles todas as adversidades que lhe sobreviera.

Advertisement

Falará da grandeza e do cuidado que Deus teve em toda a sua caminhada, através de situações de total desespero, mesmo assim, a sua fé permaneceu firme na consolação de Cristo.

Todos os cristãos, que servem a Deus, tem esse presente da parte dele e nossa consolação acaba sendo transbordada em outros quando a vivemos verdadeiramente.


Você ler a Bíblia todos os dias mas Não consegue Entender a Mensagem de Deus? Clique Aqui e venha Estudar Teologia Conosco de Maneira Fácil e Descomplicada! 📖


Ele encerra ministrando sobre as promessas de Deus, as infinitas promessas em Cristo e é necessário que estejamos prontos para desfrutá-las.

(2 Coríntios 2:1-2) Devemos nos alegrar

v. 1 Mas eu determinei isto comigo mesmo: que não irei outra vez a vós com tristeza.

v. 2 Porque se eu vos entristeço, quem é que me alegrará, senão o mesmo que foi entristecido por mim?

Advertisement

Mesmo quando um cristão tem bons motivos para trazer tristeza a cristãos errantes, é muito pouco provável que o entristecido esteja em condição de alegrar quem causou a dor. Ele precisa ser encorajado depois de incidentes como esse.

(2 Coríntios 2:3-4) O amor que tenho por vós

v. 3 E eu escrevi isto mesmo a vós, para que, ao chegar, não tenha tristeza da parte dos que deveriam alegrar-me; tendo confiança em todos vós, que a minha alegria é a alegria de todos vós.

v. 4 Porque em muita aflição e angústia do coração eu vos escrevi, com muitas lágrimas; não para que vos entristecêsseis, mas para que conhecêsseis o amor que eu tenho mais abundantemente por vós.


Quer Pregar Com Conhecimento Bíblico Profundo, Dominando a Oratória, com boa Dicção, Citando Versículos de Memória, sem Timidez e com total Eloquência?
(Clique Aqui e Sabia Mais)


As palavras de Paulo escrevi isto mesmo a vós provavelmente são uma referência à carta severa, atualmente perdida, escrita depois de sua visita dolorosa a Corinto e enviada por Tito (2Co 7:6-8).

Todavia, alguns estudiosos da Bíblia acreditam que a referência seja a 1 Coríntios. É tão certo os ministros desejarem alegria em Deus quanto mostrarem custoso amor àqueles a quem servem.

(2 Coríntios 2:5) Tristeza

v. 5 Mas, se alguém causou tristeza, não causou tristeza a mim, senão em parte, para eu não sobrecarregar a todos vós.

Advertisement

Esta pode ser uma referência ao homem incestuoso de 1Co 5:1-5, porém é mais provável que esteja apontando para um episódio referente aos falsos apóstolos (2Co 11:4), uma vez que Paulo havia falado de um pecado que ele pessoalmente perdoara (2Co 2:10).

(2 Coríntios 2:6-7) Consolo

v. 6 Suficiente para tal homem é esta punição, a qual foi infligida por muitos.


⚠️ E-book Grátis para Pregadores ⚠️:


v. 7 Assim que, ao contrário, vós deveis antes perdoar-lhe e confortá-lo, para que talvez o tal não seja consumido por excessiva tristeza.

Apesar da disciplina na igreja ser conhecida como uma punição por parte de alguns crentes, seu objetivo é redentor. Com o arrependimento do pecador, os cristãos devem perdoar-lhe e confortá-lo.

A congregação deve ter o cuidado de não oprimir com excessiva tristeza um pecador que está voltando. A disciplina mais severa da igreja é a excomunhão.

Advertisement

(2 Coríntios 2:8) Confirmem o amor

v. 8 Por isso vos rogo que confirmeis o vosso amor para com ele.

A expressão confirmar o vosso amor para com ele se refere à restauração do faltoso depois de seu arrependimento sincero.

(2 Coríntios 2:9) Obedientes

v. 9 E para esse fim também vos escrevi, para saber de vós por esta prova, se sois obedientes em todas as coisas.

Sobre escrevi, ver nota nos v. 3-4.

Advertisement

(2 Coríntios 2:10) Perdoem na presença de Cristo

v. 10 E a quem perdoardes alguma coisa, eu também perdoo; porque se eu perdoei alguma coisa, a quem perdoei, por causa de vós o perdoei na presença de Cristo; 

O primeiro verbo (perdoardes) está em uma forma que denota que o perdão é um processo (Gr. no tempo presente); enquanto o segundo (perdoo) indica que o perdão pode ser completado (Gr. no pretérito perfeito).


Domine a Arte de Elaborar e Pregar Sermões Expositivos, Temáticos e Textuais, para Ensinar com Profundidade, Clareza e Fidelidade as Escrituras!
(Clique Aqui e Confira)


(2 Coríntios 2:11) A vantagem de Satanás

v. 11 para que Satanás não obtenha vantagem sobre nós, porque não ignoramos os seus objetivos.

Por trás do pecado e da discórdia na igreja de Corinto, Paulo via Satanás, o maligno. Seus objetivos sempre envolvem impedir a união dos cristãos, pela qual Jesus orou tão fervorosamente (João 17).

(2 Coríntios 2:12-13) Não encontrei Tito

v. 12 Além disso, quando eu cheguei a Trôade para pregar o evangelho de Cristo, e uma porta foi aberta para mim pelo Senhor,

v. 13 eu não tive descanso no meu espírito, porque eu não encontrei Tito, meu irmão; mas ausentando-me deles, parti dali para a Macedônia.

Advertisement

Trôade era uma cidade costeira ao norte da província da Ásia. Paulo foi para essa região depois do tumulto em Éfeso (At 19:23-41), em seu caminho para a Macedônia (At 20:1-2).

Tito não é mencionado em Atos. Ele era a prova viva que Paulo apresentava a igreja, ensinando-a de que os gentios podiam se converter sem as obras da lei como, por exemplo, a circuncisão (Gl 2:3).


⚠️ Receba Estudos Exclusivos no Whatsapp:


O fato de Paulo (um judeu) chamar Tito (e Timóteo) de irmão (2Co 1:1) mostra que sua identidade principal era a de cristão, e não a de judeu.

Tito foi um excelente embaixador de Paulo ao lidar com a crise em Corinto. Mais tarde, Tito representou o apóstolo perante os cristãos de Creta (Tt 1:4).

(2 Coríntios 2:14) Cheiro no conhecimento

v. 14 Agora, graças a Deus, que sempre nos faz triunfar em Cristo, e faz manifesto o cheiro de seu conhecimento por meio de nós em todo o lugar.

Advertisement

Na antiguidade, os generais vitoriosos desfilavam em suas capitais até o palácio do rei, trazendo após si prisioneiros, tesouros e mais despojos das guerras.

Na ocasião oferecia-se incenso suave. Os cidadãos viam e sentiam o cheiro da vitória. Nesta perícope, Cristo está conduzindo Paulo e todos os outros cristãos à cidade eterna, cujo rei é Deus.

(2 Coríntios 2:15-16) Doce fragrância

v. 15 Porque somos para Deus uma doce fragrância de Cristo, nos que são salvos e nos que perecem;

v. 16 para um, nós somos o cheiro da morte para morte, e para o outro, o cheiro da vida para vida. E quem é suficiente para estas coisas?

Advertisement

Nestes versículos, dois pares de opostos são compostos de maneira que os dois elementos internos são negativos e os dois externos, positivos. O mesmo cheiro do incenso produz diferentes resultados.

Aqueles que recebem o conhecimento de Cristo por meio da mensagem do evangelho vivem. Todos os demais perecem.

(2 Coríntios 2:17) Falamos de Cristo

v. 17 Porque nós não somos como muitos, os quais corrompem a palavra de Deus, mas com sinceridade, como de Deus, à vista de Deus, nós falamos de Cristo.

As palavras muitos e corrompem se referem aos falsos apóstolos em Corinto, cuja motivação era sobretudo financeira (2Co 11:13).

Advertisement

A estratégia de Paulo era servir às igrejas sem custo, mesmo aprovando que os cristãos sustentem financeiramente seus ministros (1Co 9:12-15). A prestação de contas quanto à mensagem é feita Àquele que é a origem da mensagem.

Conclusão

Concluindo, aprendemos com Paulo nesse capítulo que, mesmo que estejamos tristes e em aflição, devemos nos alegrar, afinal, as dificuldades e dores estão sob o controle e permissão de Deus, e Ele sabe exatamente o que é melhor para cada um de nós.

Devemos entender que, aquilo que está nos machucando, está sob o comando de alguém que vê o que não vemos, ouve o que não ouvimos, sabe o que não sabemos.

Nossa alegria tem que permanecer na certeza de Ele está operando e trabalhando mesmo em meio ao caos.

Do contrário, estaremos entregues a estratégia de Satanás, através da dúvida, do medo e da incredulidade, e não mais exalando o cheiro de nossa devoção a Deus e ao seu Reino, em primeiro lugar, a doce fragrância de Cristo. Amém.

Advertisement
2 Coríntios 2 estudo.

Sobre o Autor

Olá, me chamo Lázaro Correia, sou Cristão, formado em Teologia e apaixonado pela Bíblia. Aqui no Blog você vai encontrar diversos estudos Bíblicos e muito conteúdo sobre vida Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *