2 Timóteo 2 Estudo: A Verdade da Salvação

Advertisement

Em 2 Timóteo 2 veremos que Paulo exorta Timóteo a dedicar-se inteiramente a prática do Evangelho de Jesus. Ele dá o exemplo do soldado, do atleta e do lavrador. Paulo mostra como estas três classes de pessoas, só recebem a recompensa mediante dedicação e trabalho árduo.

Ele prossegue falando sobre seu próprio sofrimento e como tem suportado tudo, por causa de Cristo e do Reino de Deus. Assim ele mostra que para Timóteo ser aprovado ele precisa dedicar-se ao conhecimento e a prática da Palavra de Deus.

Advertisement

Em seguida, ele distingue que em uma casa há vasos de honra e de desonra e como devemos glorificar a Deus.

Contexto histórico

Paulo expressou sua alegria pela vida de Timóteo, destacando a fé consistente e como perseverar em Cristo traria uma recompensa. Nos mostrou como o Espírito conduz seus servos em vitória e triunfo na obra do Evangelho.



Paulo incentiva Timóteo a permanecer neste propósito, reconhecendo todas as dificuldades que viria, pois ele mesmo já havia passado por muita coisa pelo nome do Senhor, mas ele segue mostrando como se sente honrado em anunciar o Evangelho e o convida continuar essa linda obra de salvação. Acompanhe a seguir o estudo completo de 2 Timóteo 2.

(2 Timóteo 2:1-3) Coragem do Espírito

v. 1 Tu, portanto, meu filho, sê forte na graça que há em Cristo Jesus.

v. 2 E as coisas que ouviste de mim entre muitas testemunhas, as mesmas confia a homens fiéis, que sejam capazes de também ensinarem os outros. 
v. 3 Tu, portanto, suporta o sofrimento, como um bom soldado de Jesus Cristo. 

Este versículo é uma continuação do chamado à coragem que vem do Espírito, iniciado em 2Tm 1:6.

(2 Timóteo 2:4-6) Chamado e serviço

v. 4 Ninguém que milita se embaraça com os negócios desta vida, a fim de agradar àquele que o escolheu para ser soldado. 

v. 5 E, se um homem também luta pela vitória, não é coroado se não lutar legalmente. 
v. 6 O lavrador que trabalha deve ser o primeiro a participar dos frutos. 

Nestas três analogias, Paulo expôs o chamado ao serviço e ao sofrimento. O v. 4 nos convida a ter um desejo sincero de agradar a Deus.

O v. 5 declara que, para prosperar, é necessário obedecer às regras de Deus. O v. 6 nos encoraja a trabalhar duro, mostrando que a promessa da bênção está a nosso alcance.


Quer Pregar Com Conhecimento Bíblico Profundo, Dominando a Oratória, com boa Dicção, Citando Versículos de Memória, sem Timidez e com total Eloquência?
(Clique Aqui e Sabia Mais)


(2 Timóteo 2:7) Meditar

v. 7 Considere o que eu digo, e o Senhor te dê entendimento em todas as coisas.

Este versículo é um convite à meditação no que foi escrito, e não uma promessa de conhecimento ou entendimento perfeito.

(2 Timóteo 2:8) Semente de Davi

v. 8 Lembra-te de que Jesus Cristo, que é da semente de Davi, foi ressuscitado dos mortos, segundo o meu evangelho; 

A expressão semente de Davi nos faz lembrar as credenciais messiânicas de Jesus.

(2 Timóteo 2:11-13) Palavra fiel

v. 11 Esta é uma palavra fiel: Que, se morrermos com ele, também viveremos com ele
v. 12 se sofrermos, também reinaremos com ele; se o negarmos, ele também nos negará; 
v. 13 se não crermos, ainda assim ele permanece fiel; não pode negar-se a si mesmo. 

A palavra que é fiel vai do conforto para o desafio, e volta para o conforto. O v. 12 nos afirma claramente a necessidade de perseverança.

Como Jesus disse, somente “aquele que perseverar até o fim será salvo” (Mt 10:22). O v. 13 nos lembra do poder e da fidelidade de Deus, que nos preservam.


⚠️ Receba Estudos Exclusivos no Whatsapp:


Neste contexto, negar-se é algo muito pior do que se não crermos. “Negar a Deus” significa apostasia, ao passo que “ser infiel a Ele” é perder a confiança, algo que todo cristão faz em algum momento da vida.

(2 Timóteo 2:14) Discussões inúteis

v. 14 Traze estas coisas à memória, ordenando-lhes diante do Senhor que não contendam sobre palavras, que para nada aproveitam senão para a perversão dos ouvintes. 

E claro que, quando o evangelho estava em jogo, Paulo queria confrontar as pessoas; como na vez em que enfrentou Pedro face a face (Gl 2:11). Aqui Paulo estava falando de discussões inúteis.

(2 Timóteo 2:15) Estudar a palavra

v. 15 Estude para apresentar-te aprovado a Deus, como obreiro que não tem de que se envergonhar, dividindo corretamente a palavra da verdade. 

Estude também pode ser traduzido como “seja zeloso, seja diligente”. Paulo tinha em mente uma busca dedicada da aprovação de Deus. Uma forma de fazer isso é certificar-se de manejar as Escrituras corretamente.

(2 Timóteo 2:17) Falsos mestres

v. 17 E a palavra desses comerá como faz a gangrena; entre os quais estão Himeneu e Fileto; 

Paulo já havia mencionado em 1Tm 1:20 que Himeneu era um falso mestre, mas Fileto não é citado em outras passagens.

(2 Timóteo 2:18) Destruíram a fé de alguns

v. 18 os quais se desviaram da verdade, dizendo que a ressurreição já passou, e destruíram a fé de alguns. 

A ideia de que a ressurreição já passou é semelhante ao que Paulo discutiu em 1 Corintios 15. Parece que algumas  pessoas estavam ensinando que os cristãos já tinham entrado no estado glorificado pós-ressurreição. Não se sabe muito a respeito desta heresia.

(2 Timóteo 2:19) O poder do nome de Cristo

v. 19 Todavia, o fundamento de Deus fica firme, tendo este selo: O Senhor conhece os que são seus, e qualquer que profere o nome de Cristo aparte-se da iniquidade. 

Apesar da obra destes malfeitores e falsos mestres, a igreja de Deus fica firme. Este selo enfatiza a soberania de Deus (em preservar) e a responsabilidade humana (de perseverar).

(2 Timóteo 2:22) Desejos da juventude

v. 22 Foge também dos desejos da juventude; e segue a justiça, a fé, a caridade e a paz com os que invocam o Senhor com um coração puro.

Neste contexto, a palavra desejos da juventude se refere a desejos pecaminosos em geral. Os desejos típicos da Juventude são: os desejos sexuais, a busca de novidades,e talvez até mesmo a impulsividade (v. 24).

É importante notar que “fugir do mal” vem junto com “seguir o bem”. Além disso, o cristão não deve partir na busca pelo bem sozinho, mas com outros cristãos.

(2 Timóteo 2:23) Questões tolas

v. 23 E evita as questões tolas e sem instrução, sabendo que produzem contendas. 

Sobre questões… tolas, ver nota no v. 14.

(2 Timóteo 2:24) Ser manso

v. 24 E ao servo do Senhor não convém contender, mas ser manso para com todos os homens, apto para ensinar, paciente;

Paulo usou a palavra servo para se referir àqueles que pregavam o evangelho, p.ex. ele mesmo (Rm 1:1) e Epafras (Cl 4:12).

(2 Timóteo 2:25) A verdade é a salvação

v. 25 instruindo com mansidão os que se opõem, a ver se, porventura, Deus lhes dará arrependimento para conhecerem a verdade, 

Conhecerem a verdade é a salvação.

(2 Timóteo 2:26) Laços do diabo

v. 26 e voltem a si, livres dos laços do diabo, que os mantém cativos e submetidos à sua vontade.

Era comum Paulo descrever a humanidade escravizada pelo diabo e precisando de libertação (2Co 4:4).

5 importantes lições que podemos aprender em 2 Timóteo 2

  1. Lealdade e Discipulado: Paulo instrui Timóteo a ensinar o que aprendeu a outros fiéis, que por sua vez poderiam ensinar a outros ainda. Isso destaca a importância da transmissão fiel do ensino cristão e o papel crucial do discipulado na continuidade da fé.
  2. Persistência e Coragem: Paulo compara a vida cristã a um soldado que não se envolve em assuntos seculares, mas permanece fiel ao seu comandante. Isso nos ensina sobre a necessidade de persistência, coragem e foco na missão que nos foi confiada por Cristo.
  3. Fidelidade em Meio à Adversidade: Paulo encoraja Timóteo a suportar as dificuldades como um bom soldado de Cristo e a não se enredar nas preocupações desta vida. Isso nos lembra da importância de permanecer fiéis a Deus, mesmo quando enfrentamos desafios e tentações.
  4. Evitar Contendas e Fomentar a Paz: Paulo adverte sobre as contendas inúteis e instiga Timóteo a ser gentil para com todos, apto para ensinar e paciente ao corrigir os oponentes. Isso destaca a importância de buscar a paz e evitar disputas desnecessárias dentro da comunidade cristã.
  5. Evitar a Influência da Impiedade: Paulo adverte Timóteo a se afastar da impiedade e a buscar a santidade, destacando que aqueles que fogem das paixões mundanas serão usados por Deus para propósitos nobres. Isso nos lembra da importância de manter uma vida santa e separada do mundo, para sermos instrumentos úteis nas mãos de Deus.

Conclusão

Concluindo, o apóstolo Paulo dá muitas orientações a Timóteo nesse capítulo. Ele ensina que ele deveria se esmerar, estudar, lapidar, meditar, conhecer a palavra de Deus afim de pregar a verdade, pura e simples, sem invenções como muitos falsos mestres faziam naquele tempo.

Hoje em dia não é diferente, com tanto avanço da tecnologia e com tantas visões humanas diferentes do mesmo evangelho.

Outro assunto também citado por Paulo são as discussões inúteis, sem sentido, que não geram arrependimento e nem conversão.

Fujam dessas discussões, a obra do evangelho é mais importante, temos um trabalho importantíssimo a fazer, não há tempo a perder.

Se afastem dos desejos da juventude, da mente permeada com hormônios, resistam e se apeguem a palavra, esse é o conselho daquela época e para essa nossa também.

Tudo isso é um laço do diabo para nos manter aprisionados em nossas vontades, separados da liberdade que há no serviço a Deus. E essa é a verdade que gera salvação.

2 Timóteo 2 estudo.

Sobre o Autor

Olá, me chamo Lázaro Correia, sou Cristão, formado em Teologia e apaixonado pela Bíblia. Aqui no Blog você vai encontrar diversos estudos Bíblicos e muito conteúdo sobre vida Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *