Êxodo 27 Estudo: Altar, um Lugar de Refúgio

Advertisement

Neste capítulo de Êxodo 27 estudo, Veremos que o Senhor dando as orientações acerca da fabricação do altar, que serviria para queimar os sacrifícios.

De igual forma, vemos as determinações a respeito do átrio do tabernáculo e do azeite para o candelabro.

Advertisement

Êxodo 27 estudo: Contexto histórico

No capítulo anterior, observamos as determinações de Deus acerca da fabricação de dez cortinas, que comporiam o templo.

Também, vemos os detalhes, medidas, cores acerca da coberta de peles, tábuas, véu, reposteiro e colunas.

Deus especificou exatamente como deveriam ser feitos, levando em consideração os materiais, tamanho, forma e local em que seriam colocados. Tudo conforme a Sua vontade determinou.

(Êxodo 27:1) O altar

v. 1 E farás um altar de madeira de acácia, com cinco côvados de comprimento, e cinco côvados de largura; o altar será quadrado, e a sua altura será de três côvados.


Especialista em Pregação Bíblica Ensina Elaborar Sermões Impactantes em 30 Dias Até Mesmo Para Quem Vai Pregar Pela Primeira Vez!
(Clique Aqui e Saiba Mais)


O altar (também chamado “o altar de bronze”; ver Ex 38:30) ficaria localizado do lado de fora do santuário ou tabernáculo propriamente dito, no meio do pátio quadrado em frente ao Lugar Santo.

Ele era de grande tamanho; um homem de altura média em pé ao seu lado dificilmente conseguiria olhar por cima dele. Qualquer coisa queimando sobre ele estaria aproximadamente à altura da vista ou mais alto.

(Êxodo 27:2) Os chifres no altar

v. 2 E farás os seus chifres sobre os seus quatro cantos; os seus chifres serão do mesmo, e o revestirás de bronze. 

Descobertas por arqueologistas indicam que pontas em forma de chifre eram típicas de altares de pedra. 0 altar de incenso também teria chifres (Ex 30:1-2), que podem ter sido símbolos de força.

O Sl 118:27 menciona o uso de cordas para amarrar um sacrifício aos chifres do altar. O sangue era colocado nos chifres tanto do altar da oferta queimada como no altar do incenso (Êx 29:12).

Uma pessoa em busca de refúgio na esperança de evitar a morte se agarraria nos chifres sobre o altar da oferta queimada (1Rs 1:50-51).


Quer Pregar Com Conhecimento Bíblico Profundo, Dominando a Oratória, com boa Dicção, Citando Versículos de Memória, sem Timidez e com total Eloquência?
(Clique Aqui e Sabia Mais)


(Êxodo 27:8) Características do altar

v. 8 Oco e de tábuas o farás; como te foi mostrado no monte, assim o farão.

Uma vez que o altar era oco, o que facilitava a sua portabilidade, ele podia ser enchido de pedras e terra cada vez que o tabernáculo fosse reconstruído (Ex 20:24).

(Êxodo 27:9-18) A cerca do tabernáculo

O pátio do tabernáculo seria circundado por uma cerca com dois metros e vinte e cinco centímetros de altura, feita de tecido de linho pendurado em colunas a cada dois metros e vinte e cinco centímetros. Como o tabernáculo propriamente dito, ela teria uma abertura para o leste.

(Êxodo 27:20-21) Óleo puro

v. 20 E ordenarás aos filhos de Israel para que tragam óleo puro de oliva, batido, para a luz, para fazer a lâmpada arder continuamente.

v. 21 No tabernáculo da congregação fora do véu, que está diante do Testemunho, Arão e seus filhos as porão em ordem desde a tarde até a manhã diante do SENHOR. Será um estatuto para sempre para as suas gerações para os filhos de Israel.

Esta variedade de óleo puro de oliva (esmagadas e prensadas em vez de trituradas em moinho) forneceria uma luz brilhante com pouca fumaça.


⚠️ E-book Grátis para Pregadores ⚠️:


A menção de Arão e seus filhos, que manterão acesas as lâmpadas, prepara para o começo de uma longa seção (caps. 28-29) que descreve os preparativos para o seu serviço.

O Tabernáculo é chamado de tabernáculo da consagração em razão da intenção do Senhor de ali encontrar-se com o Seu povo (Ex 25:22).

Conclusão

O Senhor especifica, aqui, as orientações acerca do altar que serviria para holocaustos, ou seja, nele seriam colocados os sacrifícios queimados para adoração.

Ele ficava do lado de fora do tabernáculo e, ao seu redor, haveria um átrio delimitado por colunas de bronze e cortinas.

Além de se tratar de um lugar de adoração, o altar servia como local de refúgio. Aqueles que cometiam um homicídio, não intencional, poderiam pedir asilo segurando as suas pontas.

Neste sentido, veremos, posteriormente, nas escrituras, a história de Adonias, o qual, em determinado momento de sua vida, vai ao Rei Salomão e lhe pede indulto, segurando nas pontas do altar.

Então, Salomão, o isenta de qualquer pena, naquele momento, mandando que fosse para casa. Adonias era irmão de Salomão e, sendo Davi já velho, se auto proclamou Rei, sem o consentimento do pai.

Contudo, Davi ungiria Salomão como rei, como será visto. Assim que Salomão é ungido, Adonias estremece e corre segurar as pontas do altar. Portanto, não havia cometido homicídio.

Quando Davi unge Salomão, lhe pede que vingasse o fato de Joabe ter matado dois comandantes do exército de Israel, em tempos de paz, sendo eles Abner e Amasa.


Domine a Arte de Elaborar e Pregar Sermões Expositivos, Temáticos e Textuais, para Ensinar com Profundidade, Clareza e Fidelidade as Escrituras!
(Clique Aqui e Confira)


Por isso, vemos que Joabe, imediatamente, foge para o tabernáculo e segura nas pontas do altar, contudo, Salomão manda que fosse arremetido contra ele, ali, e fosse sepultado.

Neste caso, havia sido cometido um homicídio intencional. Este procedimento de Salomão, estava de acordo com as orientações dadas por Deus, nos capítulos anteriores, quando das leis acerca da violência, sendo que, se alguém matasse, maliciosamente, o próximo, deveria ser tirado, até mesmo, do altar, para morrer (Êxodo 21:14).

Com isso, aprendemos que os preceitos do Senhor não possuem o condão de isentar quem não os observa.

Eles são claros e sempre favorecerão aqueles que o seguem, ao passo que condenam aqueles que não temem.

O altar é refúgio para a pureza e não para a impunidade! De igual forma, nas palavras de Luciano Subirá, “a graça não é cúmplice do pecado, ela é o antídoto”.

Êxodo 27 estudo.

Sobre o Autor

Olá, me chamo Lázaro Correia, sou Cristão, formado em Teologia e apaixonado pela Bíblia. Aqui no Blog você vai encontrar diversos estudos Bíblicos e muito conteúdo sobre vida Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *