2 Samuel 8 Estudo: Vitórias de Davi

Advertisement

Neste capítulo de 2 Samuel 8, veremos que este capítulo expõe diversas vitórias de Davi. Inicialmente, é relatado que Davi subjuga os filisteus e tira as rédeas da metrópole de suas mãos. De igual forma, ele domina sobre os moabitas e, ainda, derrota o rei Hadadezer.

Os sírios foram socorrer a Hadadezer, porém Davi, também, os derrota. Em seguida, é narrado que Tói, rei de Hamate, mandou, por seu filho Jorão, muitos presentes em ouro, prata e bronze, para o saudar pelas vitórias que vinha obtendo, vez que Hadadezer era seu grande rival.

Davi consagrou todos os presentes, juntamente com todos os despojos. O rei ganhava renome por suas muitas vitórias. O capítulo, ainda, conta que ele dominou sobre todos os edomitas e Deus o fazia vencedor.

Por fim, a bíblia relaciona os oficiais de Davi, sendo que Joabe era comandante do exército, Josafá era cronista, Zadoque e Aimeleque eram sacerdotes, Seraías escrivão, Benaia comandante da guarda real e os filhos do rei eram seus ministros.

Advertisement

2 Samuel 8 estudo: Contexto histórico

O capítulo anterior expos que Davi havia encontrado descanso de seus adversários. Ele, então, manifesta a Natã sua preocupação quanto ao local em que a Arca de Deus repousava.

O profeta, em seguida, recebe uma revelação divina, segundo a qual o Senhor faria uma casa para Davi e seu descendente é que construiria um templo ao Senhor. Ao final, Davi louva a Deus com ações de graças.



(2 Samuel 8:1) Os filisteus

v. 1 E, depois disso, sucedeu que Davi feriu os filisteus, e os subjugou; e Davi tomou Metegue-Amá da mão dos filisteus. 

 Os filisteus nunca mais foram uma ameaça grave para Israel depois que Davi os subjugou. Metegue-Amá (lit.”rédea do côvado”) é um local desconhecido.

Alguns biblistas sugerem que a expressão seja figurada, indicando que Davi tomou as rédeas (as rédeas da liderança) de seus inimigos.

Advertisement

(2 Samuel 8:2) Os moabitas

v. 2 E ele feriu Moabe, e os mediu com uma linha, lançando-os ao chão; e com duas linhas para os matar, e com uma linha inteira para manter vivo. E, assim, os moabitas se tornaram servos de Davi, e traziam presentes. 

Os moabitas viviam na fronteira sudeste de Israel, além do mar Morto. Davi permitiu que um terço do exército derrotado vivesse; muitos reis daquela época não teriam sido tão misericordiosos.

Além disso, aqueles que permaneceram poderiam então manter a economia moabita e assim trazer presentes (tributos regulares que os povos subjugados precisavam pagar) a Davi.



(2 Samuel 8:3) Hadadezer

v. 3 Davi feriu também Hadadezer, filho de Reobe, rei de Zobá, quando ele foi recuperar a sua fronteira junto ao rio Eufrates. 

 Zobá era uma das várias cidades-Estado dos arameus (sírios) a nordeste de Israel. Ao conquistar Hadadezer e outros governantes arameus. Davi obteve controle até o rio Eufrates.

(2 Samuel 8:4) As conquistas de Davi

v. 4 E Davi tomou dele mil carruagens, e setecentos cavaleiros, e vinte mil homens a pé; e Davi jarretou todos os cavalos de carruagens, mas desses reservou cem carruagens. 

Davi jarretou todos os cavalos dos arameus provavelmente porque os cavalos das carruagens não eram úteis para grande parte do território acidentado de Israel.

Advertisement

O rei também afirmou que a vitória não dependia de cavalos, mas da vontade de Deus (Sl 20:7).

(2 Samuel 8:5) Os sírios

v. 5 E quando os sírios de Damasco vieram para socorrer Hadadezer, rei de Zobá, Davi matou vinte e dois mil homens dos sírios. 


⚠️ Receba Estudos Exclusivos no Whatsapp:


As cidades-Estado dos arameus eram conhecidas por juntar forças contra um inimigo comum.

(2 Samuel 8:6) Davi coloca guarnições na Síria

v. 6 Então, Davi pôs guarnições na Síria de Damasco; e os sírios se tornaram servos de Davi, e trouxeram presentes. E o SENHOR preservava Davi onde quer que ele fosse. 

Guarnições militares israelitas entre a Síria e Damasco assegurariam um controle contínuo sobre a região. Também garantiriam a Israel um lucro a partir do controle das principais rotas de comércio.

Contudo, o fator determinante nas vitórias e bênçãos de Davi era o poder de Deus.

(2 Samuel 8:7) Os escudos de ouro de Hadadezer

v. 7 E Davi tomou os escudos de ouro que estavam sobre os servos de Hadadezer, e os trouxe para Jerusalém. 

Escudos de ouro parecem ter sido parte significativa de exibições públicas de outros reis também (1Rs 14:26-27).

(2 Samuel 8:9) Tói

v. 9 Quando Toí, rei de Hamate, ouviu que Davi havia ferido todo o exército de Hadadezer, 

Advertisement

Toi, rei de Hamate, outra região arameia, buscou um tratado com Davi enquanto o rei havia subjugado Hadadezer, inimigo de Toi (1Sm 27:2-7).

(2 Samuel 8:10) Jorão, filho de Tói

v. 10 Toí então enviou Jorão, o seu filho, até o rei Davi para saudá-lo e bendizê-lo, porque ele havia lutado contra Hadadezer e ferido a ele; pois Hadadezer teve guerras com Toí. E Jorão trouxe consigo vasos de prata, e vasos de ouro, e vasos de bronze; 

Reis menores muitas vezes buscavam um tratado com um rei superior enviando-lhe generosos presentes (2Rs 16:7-9). 

(2 Samuel 8:11) Davi consagra tudo ao Senhor

v. 11 os quais o rei Davi também dedicou ao SENHOR, com a prata e o ouro que ele havia dedicado de todas as nações que ele havia subjugado; 

Davi dedicou essas dádivas ao SENHOR, porque Ele o havia abençoado com vitória sobre todas as nações que ele havia subjugado.

(2 Samuel 8:12) As vitórias de Davi

v. 12 da Síria, e de Moabe, e dos filhos de Amom, e dos filisteus, e de Amaleque, e do despojo de Hadadezer, o filho de Reobe, rei de Zobá. 

As vitórias de Davi são resumidas nessa perícope: sua vitória sobre Amom é descrita mais tarde (2Sm 10:1-14).

Alguns manuscritos trazem “Arā” (Síria) em vez de Edom, mas este é mais provável à luz do versículo 13.

(2 Samuel 8:13) A popularidade de Davi

v. 13 E Davi fez para si um nome quando retornou do combate aos sírios no vale do sal, sendo dezoito mil homens. 

 Alguns manuscritos antigos do antigo testamento trazem edomitas enquanto outros trazem “arameus”. A única diferença entre as duas palavras hebraicas é uma pequena variação em uma letra.

Uma vez que o vale do Sal claramente designa uma região junto ao mar Morto, “edomitas” é a que parece ser mais correta (ver também v. 14).

(2 Samuel 8:15) Davi julgou Israel

v. 15 E Davi reinou sobre todo o Israel; e Davi executou juízo e justiça para todo o seu povo. 

 A frase Davi reinou sobre todo o Israel indica que o rei agora controlava não somente o território do seu próprio povo, mas a terra de todas as nações vizinhas, e assim garantiu suas fronteiras.

Davi governou administrando o juízo e a justiça, refletindo dois aspectos do caráter de Deus [ls 9:7].

(2 Samuel 8:16) Joabe e Josafá

v. 16 E Joabe, o filho de Zeruia, estava sobre o exército; e Josafá, o filho de Ailude, era o escrivão;

 Joabe, sobrinho de Davi, é bem conhecido nas descrições (2Sm 2:13-30). Josafá não deve ser confundido com um descendente de Davi com o mesmo nome (2Cr 17-20).

Este Josafá serviu como escrivão (lit. “aquele que faz lembrar”) – a pessoa que supervisionava a preservação de registros importantes e que, possivelmente, coordenava o anúncio dos decretos reais.

(2 Samuel 8:17) Zadoque, Aimeleque e Seraías

v. 17 e Zadoque, o filho de Aitube, e Aimeleque, o filho de Abiatar, eram os sacerdotes; e Seraías era o escriba;

 Zadoque serviria a Davi por todo o seu reinado (2Sm 20:25) e também serviria a Salomão, filho de Davi (1Rs 1:38-39).

Ele descendia da fiel linhagem de Eleazar (Nm 25:7-13), e seus seguidores foram conhecidos como os zadoquitas – um termo que se tornou “saduceus” durante os dias de Jesus (Mt 3:7).

Abiatar, filho de Aimeleque, tinha escapado de Nobe quando Saul massacrou todos os sacerdotes (1Sm 22:20-21).

É provável que tenha dado o nome de Aimeleque ao filho em memória de seu próprio pai. Seraías provavelmente ajudava Josafá em seus deveres administrando a terra.

(2 Samuel 8:18) Benaia e os filhos de Davi

v. 18 e Benaia, o filho de Joiada, estava sobre os quereteus, e sobre os peleteus; e os filhos de Davi eram soberanos maiorais. 

Benaia serviu a Salomão como também a Davi (1Rs 2:35). O significado de quereteus e peleteus é incerto, no entanto, muitos acreditam que os termos designam unidades especiais de guarda-costas reais nascidos no estrangeiro – talvez de Creta ou da Filístia.

Soberanos maiorais, príncipes é o termo literal aplicado aos filhos de Davi; talvez eles servissem como consultores do palácio para o sacerdócio (2Sm 18:17).

Seja como for que eles tenham servido, está claro que Davi desejava uma boa relação entre o seu reinado e o sacerdócio.

Conclusão

Este capítulo expõe diversas vitórias de Davi, fazendo menção, inclusive, de que ele subjuga os filisteus, um dos principais inimigos de Israel, tomando, assim, as rédeas da metrópole.

Vale lembrar que Davi ficou conhecido, justamente, por vencer o gigante Golias, filisteu, contra o qual nenhum israelita ousava lutar. Agora, vemos ele, finalmente, tomando o poder, conforme a vontade de Deus para Israel.

As escrituras fazem questão de mencionar, mais de uma vez, que Davi crescia em popularidade e poder e, ainda, que o Senhor o abençoava.

Ao passo que o primeiro rei de Israel, Saul, ficara conhecido por perder todo controle do reino e de si mesmo, de modo que acaba morto na batalha contra os filisteus, Davi, havia os derrotado e se tornava conhecido por pertencer ao Deus de Israel.

As conquistas de Davi aumentavam seu reino, o que exigia uma boa administração. O capítulo relata que o próprio rei administrava a justiça, julgando todo povo.

O cronista ficava responsável por aconselha-lo sobre temas de estado. O escrivão era como um secretário e queretitas e peletitas ficaram responsáveis pela segurança pessoal de Davi.

Davi ficou conhecido por ser um homem segundo o coração de Deus. Sua obediência o fez contrastar em muito com seu antecessor. Seu testemunho nos ensina que, fazer do nosso coração um altar ao Senhor, é a melhor escolha que um homem pode ter.

2 Samuel 8 estudo.

Sobre o Autor

Olá, me chamo Lázaro Correia, sou Cristão, formado em Teologia e apaixonado pela Bíblia. Aqui no Blog você vai encontrar diversos estudos Bíblicos e muito conteúdo sobre vida Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *