Atos 10 Estudo: O Reino é Para Todos?

Advertisement

No capítulo 10 de Atos, veremos que Deus revela a Pedro através de uma visão que o evangelho deverá ser pregado aos gentios. Pedro ensinará o evangelho a Cornélio e sua família e depois apaziguará a discussão entre os judeus sobre o evangelho ser pregado a eles.

A obra do Senhor segue adiante, apesar da perseguição que Herodes Agripa I, neto de Herodes, o Grande, promove.

Advertisement

Ele condenará Tiago à morte e depois colocará Pedro no cárcere. Na noite anterior à execução de Pedro, um anjo o ajudará a escapar da prisão. Herodes será ferido por um anjo, e o evangelho seguirá em firme sua expansão, aleluia!

Contexto histórico

Vimos que Jesus apareceu a Saulo (que depois viria a ser chamado de Paulo) quando ele viajava para Damasco e, depois disso, Saulo ficou perdeu a visão. Após Ananias o curar, Saulo foi batizado e começou a pregar em Damasco.



Saulo, então, vai à Jerusalém afim de unir-se aos discípulos, mas, quando os judeus gregos ameaçaram a sua vida, os apóstolos o enviaram a Tarso. Pedro realizou milagres em Lida e Jope. Acompanhe a seguir o estudo completo de Atos 10.

(Atos 10:1) Um centurião chamado Cornélio

v. 1 E havia em Cesareia um varão chamado Cornélio, um centurião da coorte, chamada coorte Italiana,

Filipe tinha pregado em Cesareia (At 8:40), de modo que devia ter existido conhecimento do cristianismo ali antes desse incidente com Cornélio.

Os centuriões eram parte essencial do exército romano, que se distinguiam por suas habilidades para liderar homens.

A coorte Italiana era provavelmente uma força auxiliar de soldados locais não italianos ou romanos), embora o grupo original possa ter consistido de soldados italianos.

Os soldados romanos não gozavam de boa reputação, pois eles, muitas vezes, estavam envolvidos em extorsão e brutalidade contra a população local.

(Atos 10:2) Cornélio era temente a Deus

v. 2 um homem religioso e temente a Deus, com toda a sua casa, o qual dava muitas esmolas ao povo, e sempre orava a Deus.

Os tementes a Deus respeitavam as crenças e os costumes judaicos (inclusive leis dietárias e dias especiais). Eles frequentemente se associavam aos judeus, mas não estavam dispostos a se tornar prosélitos completos, uma vez que isso requeria ser circuncidado e observar outros rituais judaicos.


Quer Pregar Com Conhecimento Bíblico Profundo, Dominando a Oratória, com boa Dicção, Citando Versículos de Memória, sem Timidez e com total Eloquência?
(Clique Aqui e Sabia Mais)


(Atos 10:3-4) Cornélio tem uma visão

v. 3 Este viu claramente numa visão, quase à hora nona do dia, um anjo de Deus, que se dirigia para ele e dizia: Cornélio.

v. 4 E este, olhando para ele, e atemorizado, disse: O que é isto, Senhor? E ele disse-lhe: As tuas orações e as tuas esmolas têm subido para memorial diante de Deus. 

O temor e o espanto eram reações comuns à voz de Deus ou à Sua aparição em relatos bíblicos (At 9:4). As orações e esmolas de Cornélio motivaram nova revelação de Deus a ele por meio de Pedro (v. 5-6).

(Atos 10:5-10) Vá atrás de Pedro

v. 5 Agora, pois, envia homens a Jope e manda chamar um certo Simão, que tem por sobrenome Pedro; 
v. 6 este está alojado com um certo Simão, curtidor, cuja casa está junto ao mar. Ele te dirá o que deves fazer. 

v. 7 E tendo partido o anjo que falava a Cornélio, ele chamou dois dos seus servos e a um soldado religioso dos que estavam continuamente ao seu serviço; 
v. 8 e tendo-lhes declarado todas essas coisas, ele os enviou a Jope. 

 Enquanto isso, Pedro ainda estava em Jope. Era comum orar no terraço. Ao ir orar a hora sexta (por volta do meio-dia), Pedro enfrentou o grande calor do dia.

Contudo, a série de eventos interligados nas vidas de Pedro e Cornélio revelam que o êxtase do apóstolo era algo mais do que uma experiência natural provocada pela fome. Era uma mensagem da parte de Deus.


⚠️ Receba Estudos Exclusivos no Whatsapp:


(Atos 10:11-16) Pedro recebe uma visão

v. 11 e viu o céu aberto, e descendo sobre ele um certo vaso, como se fosse um grande lençol, amarrado pelos quatro cantos, e sendo baixado sobre a terra, 
v. 12 no qual havia todo tipo de animais quadrúpedes da terra, animais selvagens, seres rastejantes e aves do céu. 
v. 13 E veio a ele uma voz: Levanta-te, Pedro! Mata e come.

v. 14 Mas Pedro disse: De forma alguma, Senhor, porque nunca comi coisa alguma que é comum ou imunda. 
v. 15 E a voz lhe falou novamente pela segunda vez: Não chames comum o que Deus purificou.
v. 16 E isto aconteceu por três vezes; e o vaso foi recolhido novamente ao céu.

 A fidelidade de Pedro ao longo da vida às leis dietárias judaicas entrou em conflito com a ordem do Senhor para matar e comer animais impuros.

O apóstolo teve essa visão três vezes; a repetição servia para confirmar a mensagem repugnante e enfatiza sua significação.

(Atos 10:17-20) Pedro recebe os enviados

v. 17 Ora, estando Pedro duvidando em si mesmo, sobre o que significaria a visão que ele tinha visto, eis que os homens que foram enviados por Cornélio perguntavam pela casa de Simão, parados à porta, 

v. 18 e, chamando, perguntaram se Simão, que tinha por sobrenome Pedro, estava alojado ali. 
v. 19 Enquanto Pedro pensava sobre a visão, o Espírito disse-lhe: Eis que três homens te procuram.
v. 20 Portanto, levanta-te, e desce, e vai com eles, não duvidando, porque eu os enviei.

 No caso de Cornélio, um anjo lhe falou, mas com Pedro foi o Espírito Santo, depois que o Senhor lhe concedeu a visão. A alternância entre o Espírito e um anjo como agentes de comunicação ocorre em outras partes.

(Atos 10:21-24) Tudo se encaixa

v. 21 E, descendo Pedro para junto dos homens que lhe foram enviados por Cornélio, disse: Eis que sou eu a quem procurais; qual é a razão por que viestes? 

v. 22 E eles disseram: Cornélio, o centurião, homem justo e temente a Deus, e de boa fama entre toda a nação dos judeus, foi avisado por Deus através de um santo anjo para que te enviasse à sua casa, e ouvisse as tuas palavras. 

v. 23 Então, chamando-os para dentro, os alojou. No dia seguinte, Pedro foi com eles, e certos irmãos de Jope o acompanharam. 

v. 24 E no dia seguinte eles entraram em Cesareia. E Cornélio os esperava, tendo já chamado os seus parentes e amigos mais próximos. 

Quando Deus age poderosamente na vida de uma pessoa, é natural que ela junte parentes e amigos e compartilhe a experiência com eles. Nesse caso, isso ajudou a multiplicar o impacto da mensagem radical de esperança pregada por Pedro.

(Atos 10:25-26) Eu também sou um homem!

v. 25 E, enquanto Pedro entrava, Cornélio encontrando-o, caiu aos seus pés, adorando-o.

v. 26 Mas Pedro levantando-o, disse: Levanta-te, eu também sou homem. 

No momento em que Cornélio caiu aos seus pés, adorando-o, Pedro protestou e disse que ele também era um mero homem. Os apóstolos sempre buscavam glorificar a Deus e não a si mesmos.

(Atos 10:27-28) Pedro entende a visão

v. 27 E, falando com ele, entrou e achou a muitos que se haviam reunido.

v. 28 E ele disse-lhes: Vós sabeis que é uma coisa ilegal para um homem que é judeu se reunir ou aproximar de alguém de outra nação; mas Deus me mostrou a não chamar a nenhum homem de comum ou imundo. 

A visão que Deus deu a Pedro o ensinou que os padrões de pureza, que impediam os judeus de se associarem aos gentios, tinham se tornado obsoletos.

É difícil superestimar a mudança radical que isso representava para a cosmovisão de Pedro.

(Atos 10:29-33) Cornélio compartilha sua visão

v. 29 Portanto, ao ser chamado, eu vim a vós sem contradizer. Por isso eu pergunto: Qual a intenção de terdes me chamado?

v. 30 E disse Cornélio: Há quatro dias eu estava jejuando até esta hora, e à hora nona eu orava em minha casa, e eis que um homem em vestes brilhantes se apresentou diante de mim,

v. 31 e disse: Cornélio, a tua oração foi ouvida, e as tuas esmolas estão em memória à vista de Deus. 

v. 32 Envia, pois, a Jope e manda chamar Simão, cujo sobrenome é Pedro; ele está alojado na casa de um certo Simão, curtidor, junto do mar, o qual, vindo, falará contigo.

v. 33 E imediatamente mandei chamar-te, e tu fizestes bem em vir. Agora, pois, nós estamos todos presentes diante de Deus, para ouvir todas as coisas que te foram ordenadas por Deus. 

Ao dizer que todos estavam ali reunidos diante de Deus, para ouvir todas as coisas o que Deus ordenou Pedro dizer ou fazer, Cornélio mostrou a abertura semelhante à de uma criança que Jesus requereu de Seus discípulos (Lc 18:15-17).

(Atos 10:34-35) Todos são aceitáveis a ele

v. 34 Então, Pedro abrindo a sua boca, disse: Na verdade eu percebo que Deus não faz acepção de pessoas;
v. 35 mas aquele que, em qualquer nação, o teme e faz justiça, é aceitável a ele.

Por causa da visão, Pedro agora entendeu que Deus não faz acepção de pessoas. Isso não significa que o Senhor aceite todas as pessoas sem se importar com a resposta que elas dão a Ele ou que as pessoas que O temem sejam aceitáveis a ele e não precisem de Cristo.

Antes, significa que Deus não exclui nenhuma nação ou etnia da oferta da salvação.

(Atos 10:36-41) Sejam testemunhas!

v. 36 Deus enviou a palavra aos filhos de Israel, pregando a paz por Jesus Cristo (ele é o Senhor de todos), 

Esta palavra que eu digo, vós sabeis indica que a biografia básica de Jesus já era amplamente conhecida. Ainda era necessário, no entanto, que testemunhas da vida de Jesus viessem e completassem qualquer lacuna no conhecimento e chamassem as pessoas à fé salvadora.

(Atos 10:42-43) A comissão é essa

v. 42 E ele nos mandou pregar ao povo, e testificar que ele é o que por Deus foi ordenado para ser Juiz dos vivos e dos mortos. 

v. 43 A este dão testemunho todos os profetas, que por meio de seu nome, todo aquele que nele crer, receba a remissão dos pecados.

O próprio Jesus disse aos apóstolos que ele é o que por Deus foi ordenado para julgar todos os seres humanos. Apoiando essa reivindicação está o testemunho de todos os profetas (Lc 24:44).

(Atos 10:44-46) A descida do Espírito Santo

v. 44 Enquanto Pedro falava ainda estas palavras, o Espírito Santo caiu sobre todos os que ouviam a palavra. 

v. 45 E surpreenderam-se os que criam na circuncisão, os muitos que vieram com Pedro, pois também sobre os gentios havia sido derramado o dom do Espírito Santo.
v. 46 Porque eles os ouviam falar em línguas, e magnificar a Deus. Respondeu então Pedro:

A fé, a descida do Espírito Santo e o batismo dos crentes novamente são todos componentes da conversão, embora mais uma vez numa ordem diferente.

Uma vez que os convertidos gentios estavam falando em línguas, e magnificando a Deus exatamente como os judeus crentes tinham feito no Pentecoste (At 2:4-11), os que criam na circuncisão, que estavam com Pedro… surpreenderam-se.

(Atos 10:47-48) O batismo de novos convertidos

v. 47 Pode algum homem impedir a água, para que não sejam batizados estes que também receberam, como nós, o Espírito Santo?

v. 48 E ele mandou que fossem batizados em nome do Senhor. Então, pediram-lhe que ficasse com eles por alguns dias. 

Vemos mais uma vez o batismo realizado imediatamente em resposta à nova fé.

5 importantes lições que podemos aprender em Atos 10

  1. A Universalidade do Evangelho: O episódio de Cornélio e Pedro nos ensina que o evangelho não é exclusivo para um grupo étnico ou cultural específico, mas é para todas as pessoas, independentemente de sua origem. Isso nos lembra da universalidade da mensagem de Cristo e da inclusividade do Reino de Deus.
  2. A Importância da Obediência ao Espírito Santo: Tanto Cornélio quanto Pedro obedeceram à voz do Espírito Santo. Cornélio enviou mensageiros para buscar Pedro, e Pedro concordou em ir com eles, apesar de suas dúvidas iniciais. Isso destaca a importância de estarmos sensíveis à orientação do Espírito Santo em nossas vidas e obedecermos prontamente às suas instruções.
  3. A Remoção de Barreiras Culturais: Pedro, um judeu, entrou na casa de um gentio, Cornélio, algo que anteriormente era considerado tabu pelos judeus. Esse evento marcou a remoção das barreiras culturais entre judeus e gentios e demonstrou que em Cristo não há distinção de raça, nacionalidade ou status social.
  4. A Graça e o Perdão de Deus: A visão de Pedro sobre os animais impuros e a resposta de Deus: “Não chames tu comum ao que Deus purificou” (Atos 10:15), ensina sobre a graça e o perdão de Deus, que está disponível para todos os que se arrependem e creem em Cristo.
  5. A Preparação de Deus para a Evangelização: Deus preparou tanto Cornélio quanto Pedro para esse encontro divino. Ele deu a Cornélio uma visão e enviou mensageiros para buscá-lo, e Ele deu a Pedro uma visão que o preparou para compartilhar o evangelho com os gentios. Isso nos lembra que Deus está ativamente envolvido em preparar o caminho para a expansão de Seu Reino.

Conclusão

Concluindo, as obras do reino de Deus continuam presentes no meio da igreja primitiva, através da vida de pessoas como Cornélio, o centurião temente a Deus que ajudou a Pedro entender que o evangelho não seria somente para os judeus, mas sim, para toda a criatura nos quatros cantos do mundo.

Não há mais divisões, placas, nacionalidades, limites para o poder de Deus agir, pro Reino de Deus não influenciar, pessoas que Ele não possa usar! Amém!

Atos 10 estudo.

Sobre o Autor

Olá, me chamo Lázaro Correia, sou Cristão, formado em Teologia e apaixonado pela Bíblia. Aqui no Blog você vai encontrar diversos estudos Bíblicos e muito conteúdo sobre vida Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *