Salmo 41 Estudo: O Cuidado de Deus com os Pobres

Neste capítulo de Salmo 41 estudo, Davi relata sua dolorosa luta contra uma grave enfermidade, porém, embora a situação esteja muito difícil, ele confia que o Senhor o livrará.

Ao passar por algumas experiências, Davi chegou à conclusão de que os seus inimigos queriam o seu desaparecimento e a sua morte. Mesmo que isso lhe causasse tristeza, ele não se abalou, pois, depositou sua confiança no Senhor.

Advertisement

Da mesma forma devemos fazer em relação aos nossos inimigos, apenas devemos ignorá-los e depositar a nossa confiança no Senhor.

Sendo assim, portanto, ao enfrentar situações de traição, não canalize seus sentimentos nas pessoas, olhe para o Senhor Deus e confie seu futuro a ele. Acompanhe!

Advertisement

Salmo 41 Estudo: Contexto histórico

O Salmo 41 é um salmo de lamentação; mas, como começa e termina com louvores, pode ser também chamado de salmo de louvor, de Davi para o Senhor.

Em última análise, mostra a vitória de Jesus, o Salvador, sobre seus inimigos que o desejavam mal, especialmente o seu maior inimigo, Satanás.


Você ler a Bíblia todos os dias mas Não consegue Entender a Mensagem de Deus? Clique Aqui e venha Estudar Teologia Conosco de Maneira Fácil e Descomplicada! 📖


(Salmo 41:1) A consideração com o pobre

v. 1 Abençoado é aquele que considera o pobre; o SENHOR o livrará em tempos de dificuldade.

Sobre abençoado (Sl 1:1). Pobre têm a ideia básica de “inferior”, no sentido de uma homem “humilde” ou “tornado inferior” por suas próprias circunstâncias ou por outras.

Dal pode ser usado para denotar aqueles que são fiéis a Yahweh, bem como os termos “humilde”, “aflito” e “necessitado” (Sl 72:13), (Sl 34:18).

Advertisement

No entanto, o verbo considera pode indicar que a ideia é da dificuldade financeira. Aqueles que têm intimidade com Yahweh são generosos com os que passam por necessidade (Sl 37:21).

(Salmo 41:2) O Senhor nos preserva dos nossos inimigos

v. 2 O SENHOR o preservará, e o manterá vivo; e ele será abençoado sobre a terra, e tu não o entregarás à vontade dos seus inimigos.

Ser abençoado sobre a terra era a esperança de todos os israelitas que eram fiéis a Yahweh e ao seu pacto com eles (Sl 37:3).


Quer Pregar Com Conhecimento Bíblico Profundo, Dominando a Oratória, com boa Dicção, Citando Versículos de Memória, sem Timidez e com total Eloquência?
(Clique Aqui e Sabia Mais)


(Salmo 41:3) A fortaleza vem do Senhor

v. 3 O SENHOR o fortalecerá sobre o leito da enfermidade; tu farás toda a sua cama em sua doença.

Fortalecerá não é exatamente igual a farás. O termo indica o sustento de Deus (v. 12) em tempos de adversidade, quer se trate de uma doença ou de um perigo (Sl 18:38).

Mesmo quando a intervenção de Deus demora, ainda temos Seu poder sustentador fortalecendo aquele que sofre. Na verdade, é nessas horas que a força de Deus fica mais evidente nos que nele confiam (2Co 12:10).

Advertisement

(Salmo 41:4) Davi pede misericórdia ao Senhor

v. 4 Eu disse: SENHOR, sê misericordioso para comigo, cura a minha alma, porque eu pequei contra ti.

Aqui há menção de pecado, mas ele não é especificado nem a menção é desenvolvida (em contraste com os salmos 38 e 51). Em alguns casos pode se pressupor pecado, mas ele não é a causa principal do sofrimento (Sl 6:1).

Prova disso é que o salmista se considerava integro (v. 12), indicando que o pecado já fora confessado ou que não havia um pecado específico envolvido.


⚠️ E-book Grátis para Pregadores ⚠️:


Parece que o principal problema era uma enfermidade física, pois há referências “fortalecerá” (v. 3), “leito da enfermidade” (v. 3) e “doença” (v. 8), que é como os inimigos descreviam a condição do salmista (como se estivesse com uma praga).

(Salmo 41:5-8) Os inimigos desejam o mal para Davi

v. 5 Meus inimigos falam mal de mim: Quando ele morrerá, e o seu nome perecerá?
v. 6 E se ele vem para me ver, fala vaidade, seu coração ajunta iniquidade para si; quando ele vai para fora, ele divulga isso.
v. 7 Todos aqueles que me odeiam, sussurram juntos contra mim; contra mim imaginam o mal. 
v. 8 Eles dizem: Uma doença maligna se apega rapidamente a ele, e agora que deita, não levantará mais.

Advertisement

Os inimigos são descritos de maneira vívida, sendo o foco principal suas ações encontra o salmista. As intenções deles eram malignas, como demonstram sua pergunta e desejo da morte do salmista.

Quando ele morrerá, e o seu nome perecerá? (Sl 31:12). Ajunta iniquidade expressa ideia de ceifar calúnias como se ceifa o cereal.

Alguns pensam que pode ser uma referência a fofoca, o que neste caso envolvia dizer coisas más sobre alguém.

Esta ideia é reforçada quando vemos os inimigos cochichando acerca do salmista (v. 7). A intenção deles era que o salmista morresse, por isso falavam de sua morte como se fosse algo certo (v. 8).

Advertisement

(Salmo 41:9) É necessário estamos atentos também aos “amigos”

v. 9 Sim, meu próprio amigo, no qual eu confiei, que comeu do meu pão, levantou seu calcanhar contra mim.

Alguns pensam que esta menção de amigo equivale aos inimigos dos v. 5-8. Em casos de extremo sofrimento, amigos podem fazer o papel de inimigos (Sl 31:11).

De fato, há uma expressão adversativa, levantou seu calcanhar contra mim, logo, neste contexto parece haver mais do que abandono.


Domine a Arte de Elaborar e Pregar Sermões Expositivos, Temáticos e Textuais, para Ensinar com Profundidade, Clareza e Fidelidade as Escrituras!
(Clique Aqui e Confira)


(Salmo 41:10-11) Davi pede misericórdia mais uma vez

v. 10 Mas tu, ó SENHOR, sê misericordioso para comigo, e levanta-me para que eu possa retribuir-lhes.

v. 11 Por isso eu sei que tu me favoreces, porque meu inimigo não triunfa sobre mim.

Yahweh querer o bem de uma pessoa não é uma simples emoção. Isso envolve ações e equivale a abençoar e mostrar favor a esta pessoa (Sl 35:27).

Advertisement

(Salmo 41:12) A recompensa para os que são fiéis

v. 12 E quanto a mim, tu me sustentas na minha integridade, e me pões diante da tua face para sempre.

Estar diante de Deus é a recompensa máxima para o homem que Lhe é fiel (Sl 15:1).

(Salmo 41:13) Bendito seja o Senhor

v. 13 Bendito seja o SENHOR, Deus de Israel desde eternidade até a eternidade. Amém e Amém.


⚠️ Receba Estudos Exclusivos no Whatsapp:


Este versículo marca a conclusão do Primeiro Livro dos Salmos (1-41). Trata-se de uma doxologia que inclui um chamado ao louvor, seguida por uma resposta congregacional (Amém e Amém).

Há quatro salmos (41; 72; 89 e 106) que terminam um livro antes de iniciar outro, todos têm conteúdo parecido.

Advertisement

Estas declarações provavelmente foram acrescentadas na época em que os Salmos foram reunidos em sua forma canônica.

Alguns se referem a estes salmos como salmos de “emenda”, por causa da maneira como unem os livros a fim de formar o livro completo dos Salmos.

Conclusão

Podemos observar, portanto, que o Senhor se preocupa com os pobres e bem aventurado será aqueles que os ajudarem.

De mesmo modo, Davi pede a proteção e misericórdia de Deus diante dos seus inimigos que querem o seu mal.

Advertisement

Assim mesmo devemos fazer, ao perceber que os nossos inimigos estão desejando nosso mal, devemos buscar e confiar no Senhor, pois ele irá nos livrar e nos proteger de todos eles.

Salmo 41 estudo.

Sobre o Autor

Olá, me chamo Lázaro Correia, sou Cristão, formado em Teologia e apaixonado pela Bíblia. Aqui no Blog você vai encontrar diversos estudos Bíblicos e muito conteúdo sobre vida Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *